América do SulArgentinaEliminatórias da Copa

Messi marca, Gago dá show e Argentina supera Chile

Com dois gols em três minutos e uma grande partida do volante Fernando Gago, a Argentina derrotou o Chile por 2 a 1 na noite desta terça-feira, em Santiago. A partida foi válida pela décima rodada das eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo.

No primeiro tempo, o Chile pressionou muito, mas não abriu o placar no início e foi castigado com dois gols em três minutos. Lionel Messi e Gonzalo Higuaín colocaram a Argentina na frente no placar.

Na segunda etapa, o Chile partiu para cima, mas encontrou uma Argentina mais fechada e que tentava explorar os contragolpes que surgiam. No fim, os chilenos ainda descontaram com Felipe Gutiérrez.

O resultado deixa os albicelestes na liderança isolada da competição com 20 pontos. O Chile, com 12, está na quarta posição, junto com Uruguai e Venezuela.

Formações iniciais

Destaque do jogo

Fernando Gago. Deu um belíssimo passe para o primeiro gol argentino e fez uma grande partida.

Momento-chave

O segundo gol argentino. Abalou muito o Chile psicologicamente e definiu os rumos da partida.

Os gols

28’/1T: GOL DA ARGENTINA!
Gago lança para Messi, que desloca o goleiro com categoria.

31’/1T: GOL DA ARGENTINA!
Di María faz lindo passe para Higuaín, que corta para dentro e bate com força de pé esquerdo.

46’/2T: GOL DO CHILE!
Gutiérrez chuta forte e Romero não consegue segurar.

Curiosidade

A Argentina só sofreu uma derrota para o Chile na história das eliminatórias. Aconteceu em 2008.

CHILE 1X2 ARGENTINA

ChileMiguel Ángel Pinto, Mauricio Isla, Marcos González, Gonzalo Jara e Jean Beausejour; Gary Medel, Marcelo Díaz, Mark González (Felipe Gutiérrez, 34’/2T) e Matías Fernández; Alexis Sánchez e Sebastián Pinto (Eduardo Vargas, 10’/2T). Técnico: Claudio Borghi.
ArgentinaSergio Romero, Hugo Campagnaro, Federico Fernández, Ezequiel Garay e Pablo Zabaleta; Javier Mascherano, Fernando Gago e Ángel Di María (José Sosa, 31’2T); Sergio Agüero (Hernán Barcos, 41’/2T), Lionel Messi e Gonzalo Higuaín (Pablo Guiñazu, 16’/2T). Técnico: Alejandro Sabella.
Local: Estádio Nacional, em Santiago (CHI)
Árbitro: Antonio Arias (PAR)
Gols: Lionel Messi, 28’/1T, Gonzalo Higuaín, 31’/1T, Felipe Gutiérrez, 45’/2T
Cartões amarelos: Ángel Di María, Jean Beausejour, Eduardo Vargas, Gonzalo Jara
Cartões vermelhos: Nenhum

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo