Libertadores

Conheça o plano de Zubeldía para fazer Lucas render ainda mais pelo São Paulo

Lucas deve voltar ao time titular do São Paulo com mais liberdade contra o Talleres

Luis Zubeldía teve de esperar quase um mês até enfim poder contar com Lucas Moura à disposição no São Paulo. Tempo suficiente para o treinador planejar com detalhes como encaixar aquele que é o principal jogador do elenco em sua equipe. E o técnico já definiu a estratégia para tirar o melhor do camisa 7 em campo.

O argentino teve uma conversa reservada com o meia-atacante, enquanto ele ainda se recuperava da lesão muscular na coxa esquerda que o tirou de combate por 40 dias. No “olho no olho”, o jogador falou ao comandante sobre suas preferências e ouviu também quais são as ideias do técnico.

Zubeldía quer potencializar as jogadas de drible e explosão, principais virtudes de Lucas. Para isso, o técnico quer que o camisa 7 se desgaste menos com funções defensivas e esteja mais “inteiro” e com mais liberdade na hora de dar suas arrancadas que tanto infernizam os marcadores rivais.

— Tivemos uma conversa rápida. Ele sabe a posição e a maneira como eu mais gosto de jogar. Ele entende meu estilo de jogo. Ele não quer que eu fique me desgastando muito, quer que eu receba a bola estando fresco para poder fazer minhas jogadas — afirma Lucas.

“Lucas é uma grande notícia, porque quanto mais bons jogadores tiver à disposição, mais recursos temos. Um jogador a nível de Europa, que vem por amor ao clube, não por dinheiro. É difícil encontrar atores do futebol que releguem o econômico pelo amor ao clube”. (Zubeldía, sobre Lucas)

Como Zubeldía pretende encaixar Lucas no São Paulo

Com tanta admiração (dentro e fora de campo), Zubeldía conta com Lucas como titular no São Paulo para enfrentar o Talleres nesta quarta-feira (29), às 21h30 (horário de Brasília), no MorumBIS, em duelo direto pela liderança do Grupo B da Libertadores. Resta saber em que setor do campo o treinador irá encaixá-lo.

Até agora, o argentino utilizou Lucas em duas posições. Primeiro, ele entrou como extrema pela direita no segundo tempo do empate em 0 a 0 com o Barcelona-EQU, em seu primeiro jogo após a lesão. Depois, foi titular — com direito a gol marcado — na vitória por 2 a 0 sobre o Águia de Marabá. Em uma escalação quase toda reserva, ele atuou centralizado.

Onde Lucas entra contra o Talleres?

  • Lucas deve atuar aberto pela direita contra o Talleres;
  • Zubeldía quer Lucas mais “inteiro” e com liberdade para arrancadas;
  • Para isso, camisa 7 deve ter menos responsabilidades defensivas;
  • Contra o Talleres, Luciano deve atuar centralizado;
  • Calleri volta, resta saber se será titular.

O meia-atacante já deixou claro que prefere atuar centralizado. Mas a tendência é de que ele atue aberto pela direita contra o Talleres. Zubeldía considera Luciano um jogador muito importante para o funcionamento de sua equipe e deve mantê-lo na função de meia central, ao menos por ora.

— Ele pode fazer em qualquer um dos setores. Direita, centro ou esquerda. Dependendo da situação, eu tomo a decisão. Nas três (ele) se equilibra. O jogo dele não muda. O importante é que esteja saudável — disse o treinador, em entrevista recente.

Para Zubeldía, aliás, o posicionamento de Lucas em campo não é o mais importante. O técnico prioriza a construção de um jogo coletivo que coloque o meia-atacante sempre em condições de fazer as suas jogadas características.

— Se for uma equipe menor, o Brasileirão ou Champions, Lucas sempre faz as mesmas jogadas. Esse Lucas, não importa o rival ou o contexto, sempre encontra essas jogadas famosas de desequilíbrio, de conexão. Lucas sempre deixa sua marca no jogo. Temos que colocá-lo em contextos favoráveis. Para isso, preciso de jogadores que interpretem bem o jogo, como Nestor, como Michel, como Alisson, como Galoppo, que se encarguem de gerenciar esse futebol para que esta gente possa resolver situações de gol — analisa Zubeldía.

Com o retorno de Lucas, Zubeldía mantém a dúvida entre Rodrigo Nestor e Michel Araújo para atuar como extrema pela esquerda. No ataque, Calleri está de volta, mas resta saber quanto tempo aguentará em campo.

Os próximos três jogos do São Paulo:

  • São Paulo x Talleres — Libertadores — quarta-feira, 29 de maio, às 21h30 (horário de Brasília) — Transmissão: TV Globo (TV aberta) e Paramount + (Streaming);
  • São Paulo x Cruzeiro — Brasileirão — domingo, 2 de junho, às 18h30 (horário de Brasília) — Transmissão: Premiere (TV por assinatura);
  • Inter x São Paulo — Brasileirão — quinta-feira, 13 de junho, às 20h (horário de Brasília) — Transmissão: Premiere (TV por assinatura).
Foto de Eduardo Deconto

Eduardo Deconto

Jornalista pela PUCRS, é setorista de Seleção e do São Paulo na Trivela desde 2023. Antes disso, trabalhou por uma década no Grupo RBS. Foi repórter do ge.globo por seis anos e do Esporte da RBS TV, por dois. Não acredite no hype.
Botão Voltar ao topo