Argentina

Vélez goleia Godoy Cruz e se mantém na briga pelo título

Depois de mais uma vitória do Estudiantes, o Vélez Sarsfield voltou a ficar sobre pressão no Torneio Apertura. Para piorar, podia ver um dos principais ídolos do clube dos últimos tempos ser o grande responsável por lhe tirar da briga do caneco de 2010. Mas, Omar Asad, um dos responsáveis pelo titulo Mundial em 94, e hoje técnico do Godoy Cruz, não contou com a sorte. Apesar de ver o seu time jogando bem, sofreu com a lesão de Olmedo e viu o Vélez vencer por 4 a 0 neste domingo. Com a vitória, o Vélez tem 37 pontos, dois a menos que o Estudiantes.

Desde os primeiros minutos de jogo, o Godoy Cruz dominava o duelo. Arriscava em vários chutes de longa distancia, tentando surpreender o goleiro Barovero. Foram arremates de Carranza e Jairo Castillo. Fora as tentativas de David Ramírez que por pouco não surpreenderam o arqueiro do Vélez. Isso sem contar o cabeceio de Castillo ao fim da primeira etapa. Apesar de se garantir na Libertadores, esse não era o dia do Tomba.

Principalmente contra uma equipe que tem Maxi Moralez e um goleador nato como Santiago Silva precisa de poucas oportunidades para deixar a sua marca. Logo após a saída de Olmedo, no Tomba, o Vélez conseguiu encontrar alguns espaços no meio campo e começou a organizar alguma jogadas ofensivas. E foi justamente assim que o time de Liniers chegou ao gol. Maxi Moralez fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Santiago Silva, que só teve o trabalho de mandar para as redes.

O placar se mostrou injusto ao fim da primeira parte, principalmente por tudo que o Godoy Cruz fez até então. Mas, na segunda etapa, só nos 15 primeiros minutos, o Vélez se mostrou avassalador e mostrou justiça no resultado. Sempre em contragolpes, o time chegou aos 3×0 de forma tranqüila. Primeiro, num gol fácil de Santiago Silva, que girou entre os marcadores e marcou o 2×0. Em seguida, foi a vez de Maxi Moralez arrancar para o terceiro gol os Fortineros.

Depois do terceiro gol, o Vélez só administrou o duelo. É bem verdade que continuou vendo o Godoy Cruz chegar com perigo ao gol, mandando bolas na trave e assustando o arqueiro Velezano. Mas não foi desta vez que Omar Asad tirou o seu time de coração da briga pelo título. Já aos 39 minutos da segunda etapa, Jonathan Cristaldo, que entrou no lugar de Santiago Silva, recebeu na entrada da área e após um belo giro mandou cruzado, sem chances para Torrico. 4×0. Libertadores garantida e chances de título ainda reais.

Na próxima rodada o Vélez Sarsfield enfrenta o Huracán às 18h desta quarta-feira, mesmo horário de Estudiantes x River. Já o Godoy Cruz enfrenta o Racing, às 21h15, também em Mendoza. (FutebolPortenho.com.br)

Confira os jogos da 17ª rodada do Torneo Apertura:

Quarta-feira, 1/dezembro
Olimpo1 x 1 Arsenal de Sarandí

Sexta-feira, 3/dezembro
All Boys 2 x 1 Banfield
Racing 2 x 0 Gimnasia La Plata

Sábado, 4/dezembro
Estudiantes 1 x 3 Argentinos Jrs.
Colón 1 x 2 River Plate

Domingo, 5/dezembro
San Lorenzo 0 x 0 Newell's Old
Tigre 3 x 1 Huracán
Godoy Cruz  0 x 4 Vélez Sarsfield
Boca Juniors 1 x 0 Quilmes
Lanús 0 x 0 Independiente

Clique aqui e confira a classificação do Campeonato Argentino.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo