Argentina

Torcedor morre comemorando gol de sua equipe na Argentina

O Belgrano venceu o Defensa y Justicia por 3 a 0 neste sábado em Córdoba, mas não foi momento de festejar. Assim que o árbitro Pablo Díaz deu o apito final, o sistema de som do estádio Mario Alberto Kempes informou: o torcedor Carlos Fernández, 22 anos, havia falecido em acidente no meio do segundo tempo. Jogadores e torcedores dos Piratas fizeram um minuto de silêncio e imediatamente depois bateram palmas como forma de homenagem.

VEJA TAMBÉM: Até virar? Árbitro se enrola nos acréscimos e causa a fúria do Arsenal de Palermo

A morte foi das mais acidentais possíveis. Aos 24 minutos do segundo tempo, Furch fez o segundo gol do Belgrano. Fernández celebrou muito, mas acabou perdendo o equilíbrio e caiu da arquibancada. O torcedor foi imediatamente retirado do estádio pór uma ambulância, mas não resistiu e morreu a caminho do hospital.

A notícia chegou ao estádio perto dos minutos finais. Alguns torcedores do clube de Córdoba retiraram as bandeiras da arquibancada. Enquanto isso, a direção do Belgrano informava o árbitro, que decidiu encerrar a partida aos 45 minutos do segundo tempo, dispensando os acréscimos (desnecessários para um jogo claramente decidido).

Mostrar mais

Ubiratan Leal

Ubiratan Leal formou-se em jornalismo na PUC-SP. Está na Trivela desde 2005, passando por reportagem e edição em site e revista, pelas colunas de América Latina, Espanha, Brasil e Inglaterra. Atualmente, comenta futebol e beisebol na ESPN e é comandante-em-chefe do site Balipodo.com.br. Cria teorias complexas para tudo (até como ajeitar a feijoada no prato) é mais que lazer, é quase obsessão. Azar dos outros, que precisam aguentar e, agora, dos leitores da Trivela, que terão de lê-las.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo