Argentina

Técnico da Argentina considera cedo para Messi virar capitão

O técnico da seleção argentina, Sergio Batista, disse nesta quinta-feira em Tóquio que este não é o momento de pressionar Lionel Messi para que seja o capitão do elenco, pois é preferível que o atacante jogue com tranquilidade.

Na entrevista coletiva prévia ao amistoso de amanhã entre Argentina e Japão, Batista descartou dar a braçadeira ao jovem craque, de apenas 23 anos.

Segundo o técnico, Messi está em condições de jogar contra o Japão, após a lesão que sofreu no tornozelo direito em setembro.

O atacante, que chegou ontem a Tóquio, teve uma rápida recuperação e por isso “está pronto para jogar” amanhã, indicou Batista, que ainda não foi confirmado pela Associação de Futebol Argentino (AFA) como substituto definitivo de Diego Maradona no comando da equipe.

Messi foi a grande exigência para atrair torcedores japoneses à partida desta sexta-feira, cujos ingressos esgotaram há uma semana.

Se o atacante do Barcelona não entrasse em campo, os organizadores do amistoso poderiam reduzir em US$ 200 mil a quantia destinada à AFA pelo jogo. (EFE)

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo