Argentina

Rodada final da Copa da Liga Argentina tem luta por tudo: Libertadores, Sul-Americana, rebaixamento e quartas

A última rodada da Copa da Liga Argentina acontece no próximo final de semana e o regulamento complexo traz muitas possibilidades

A partir deste sábado (25) até terça-feira (28) acontecem os jogos da última rodada da Copa da Liga Argentina. O contraditório regulamento do futebol argentino, que para classificar à Libertadores e Sul-Americana e rebaixar dois clubes considera uma tabela anual e outra com a média da pontuação nos três anos, deixa tudo mais complexo quando o campeonato chega nessas partidas finais. Entenda o que está em jogo nesse final de semana no futebol dos hermanos.

Primeiro, entendendo o regulamento

A tabela anual, essencial para o entendimento do futebol argentino, conta os pontos somados no Campeonato Argentino, disputado no primeiro semestre, e na Copa da Liga Argentina, competição que acontece nesse momento. Essa classificação geral dá três vagas para Libertadores, seis para Copa Sul-Americana e define um rebaixado, no caso o pior time da temporada.

As outras três vagas para Liberta são destinadas ao campeão do Campeonato Argentino (em 2023 é o River Plate), da Copa da Argentina (final entre Estudiantes e Defensa y Justicia) e da Copa da Liga Argentina. Caso essas equipes com as vagas ocupem as primeiras colocações da classificação anual, abre-se uma vaga extra logo abaixo.

Para o rebaixamento, a situação é mais complexa. Existe uma tabela de promédios, que considera o desempenho nas últimas três temporadas para definir um rebaixado (antes eram dois, mas uma virada de mesa diminuiu o número de clubes que caem). Se o pior time da classificação anual for o pior na categoria dos promédios, a segunda pior campanha será rebaixada.

Essa complexidade do regulamento causa algumas pérolas na rodada final, com clubes podendo ser rebaixados e classificados às quartas de final da Copa da Liga ou possibilidade de um “jogo de comadres”, onde um resultado é benéfico aos dois clubes.

Grupo A da Copa da Liga Argentina está totalmente aberto; no B, situação é mais encaminhada

A Copa da Liga Argentina é dividida em dois grupos com 14 equipes cada e os quatro primeiros de cada chave avançam às quartas de final.

Para última rodada, o grupo A tem as quatro vagas totalmente abertas e contas complexas. O líder é o River Plate, com 23 pontos (mesmo número de segundo e terceiro, superior no saldo de gols), que precisa apenas de um empate com o Instituto Córdoba (ainda lutando por vaga) para se classificar. Huracán e Indepediente vem logo atrás com a mesma pontuação e duelam com Atlético Tucumán e Talleres, respectivamente. O quarto é o Colón (20 de pontuação), que joga na rodada contra o Vélez Sarsfield, outro clube na briga com 17.

Atrás nos critérios de desempate, mas com os mesmos 20 pontos, estão o Rosario Central (duela com o rebaixado Arsenal) e o Banfield (enfrenta o Gimnasia y Esgrima).

Ao menos o grupo B está mais tranquilo e fácil de se entender na rodada final. Godoy Cruz (22 pontos), Belgrano (21) e Racing (21) já estão classificados, com a quarta vaga em disputa por Central Córdoba (19), o quarto, que joga com o San Lorenzo, enquanto o quinto e o sexto, Platense (17) e Sarmiento (16), se enfrentam, e, por fim, o Estudiantes (16) recebe o Lanús.

As vagas de Libertadores e Copa Sul-Americana via classificação anual

No total de pontos somados entre Campeonato Argentino e Copa da Liga, o River é o líder absoluto, com 84 pontos. Como já tem uma vaga na Libertadores por ser o campeão nacional, abre-se uma vaga a mais na tabela anual.

Atrás do River está tudo embolado: o Talleres é o segundo, com 64 pontos, e enfrenta o Independiente. Esse é um jogo de comadre, onde o empate garante o que os dois times querem (um, classificação à Libertadores, outro a vaga nas quartas de final da Copa da Liga Argentina).

Logo atrás vem o Godoy Cruz, com um ponto a menos, duelando com o Boca Juniors, o sétimo com 59 que sonha com vaga na Liberta. Rosario Central é quem tem o caminho mais tranquilo. Atualmente em quarto com 62 pontos, jogará com o rebaixado Arsenal e pode, tanto ganhar a vaga na Libertadores, como se classificar na Copa da Liga Argentina.

Com 61 de pontuação e na quinta colocação vem o Estudiantes, com objetivo duplo na rodada como o Rosario e ainda é o finalista da Copa Argentina, onde pode garantir vaga na Libertadores. Também com 61, o San Lorenzo fica atrás no saldo de gols.

Defensa y Justicia (58) não chega mais na Libertadores via classificação anual e está garantido na Sul-Americana – mas pode ter vaga na Libertadores via Copa da Argentina. Racing e Belgrano (ambos com 57), ainda podem chegar pela Copa da Liga e por enquanto ocupam o grupo que vai à Sul-Americana, mas ainda tem o Lanús (56) e o Atlético Tucumán (54) na disputa.

A luta por rebaixamento

Para facilitar, o rebaixado pela promédias está definido: é o Arsenal, com apenas 115 pontos somados nos últimos três anos.

Ainda há cinco times lutando contra o rebaixamento, apenas um cairá. Nessa última rodada, Vélez (46 pontos), Sarmiento (46), Colón (45) e Ginmasia (45) torcem pelo Tigre, que visitará o Unión, o pior time da classificação anual (tirando o Arsenal), somando 43 de pontuação.

Existe uma grande possibilidade de empate em pontos entre os clubes que lutam pelo rebaixamento (até quatro times podem ficar igualados). Caso aconteça essa igualdade em pontuação, acontecerão jogos de desempate.

Vale destacar que Defensa y Justicia, Tigre, Barracas Central, Central Córdoba, Newell's Old Boys, Platense e Argentinos Juniors não jogam por nada na rodada, nem vaga em competição sul-americana, classificação às quartas da Copa da Liga Argentina ou rebaixamento.

Veja todos os jogos da última rodada e a classificação anual completa abaixo.

Os jogos da rodada final da Copa da Liga Argentina

  • Vélez Sarsfield x Colón – Sábado (25/11), às 18h (horário de Brasília);
  • Unión Santa Fé x Tigre – Sábado (25/11), às 18h;
  • Banfield x Gimnasia y Esgrima – Sábado (25/11), às 18h;
  • Platense x Sarmiento – Sábado (25/11), às 18h;
  • River x Instituto Córdoba – Domingo (26/11), às 18h;
  • Talleres x Independiente – Domingo (26/11), às 18h;
  • Atlético Tucumán x Huracán – Domingo (26/11), às 18h;
  • Arsenal x Rosario Central – Domingo (26/11), às 18h;
  • Godoy Cruz x Boca Juniors – Domingo (26/11), às 18h;
  • Estudiantes x Lanús – Segunda-feira (27/11), às 18h;
  • San Lorenzo x Central Córdoba – Segunda-feira (27/11), às 18h;
  • Racing x Belgrano – Segunda-feira (27/11), às 18h;
  • Newell's Old Boys x Defensa y Justicia – Segunda-feira (27/11), às 18h;
  • Barracas Central x Argentinos Juniors – Terça-feira (28/11), às 18h.

A classificação anual do futebol argentino

Rodada final da Copa da Liga Argentina definirá os classificados para Libertadores, Sul-Americana e mais um rebaixado, além do Arsenal (Foto: Reprodução/Promiedos.com.ar)
Foto de Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius Amorim

Carlos Vinicius é nascido e criado em São Paulo e jornalista formado pela Universidade Paulista (UNIP). Escreveu sobre futebol nacional e internacional no Yahoo e na Premier League Brasil, além de esports no The Clutch. Como assessor de imprensa, atuou no setor público e privado.
Botão Voltar ao topo