Argentina

O River Plate ganhou do Boca Juniors, apesar dessa falha grotesca do goleiro

O River Plate venceu o último Superclássico de pré-temporada contra o Boca Juniors, por 2 a 1, na noite do último sábado, mas poderia ter tido vida um pouco mais fácil se o seu goleiro Marcelo Barovero tivesse prestado um pouco mais de atenção no chute distante e despretensioso de Cata Díaz, aos 26 minutos do primeiro tempo. A bola bateu no chão, é verdade. Só que Barovero tem 29 anos, 11 deles como goleiro na Argentina, e deveria ter ficado um pouco mais esperto.

No segundo tempo, outra vez Barovero falhou, ao sair errado em um escanteio, mas Vangioni tirou a bola em cima da linha com uma acrobacia. Do outro lado, Agustín Orion errou no primeiro gol do River Plate, também com uma saída em falso, então os vacilos acabaram se anulando.

A falha de Barovero:

E a de Orion:

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Bloqueador detectado

A Trivela é um site independente e que precisa das receitas dos anúncios. Considere nos apoiar em https://apoia.se/trivela para ser um dos financiadores e considere desligar o seu bloqueador. Agradecemos a compreensão.