Argentina

Maradona diz que, se fosse Batista, teria renunciado

Ex-treinador da Argentina e atualmente técnico do Al-Wasl, Maradona afirmou que, se fosse Sergio Batista, teria renunciado ao comando da Albicelteste após a campanha da seleção na Copa América.

“Se eu tivesse ganhado só da Costa Rica, teria saído por decisão própria”, disse Maradona em entrevista à Radio Belgrano na última terça-feira.

“Não foi culpa dos jogadores. Julio Grondona [presidente da federação argentina de futebol] está fazendo o que ele quer. Eles nem me deram uma chance”, disse Maradona.

“Julio tem pessoas ao redor dele que falam coisas e convencem ele. Ele citou a mim, as drogas e outras coisas. Estou limpo por oito anos e vivo pelas minhas filhas e meus netos”, declarou o ex-jogador.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo