Argentina

Gimnasia e Rosario Central escapam do rebaixamento

As duas equipes da elite argentina que disputaram a repescagem contra o rebaixamento superaram seus adversários neste domingo, e asseguraram a permanência na Primera División. Surpreendendo as expectativas, o Gimnasia La Plata venceu por 3 a 0 o Atlético Rafaela, enquanto o Rosario Central empatou em 1 a 1 com o Belgrano de Córdoba, e também se garantiu.

O rival local do Estudiantes havia perdido no jogo de ida, pelo mesmo placar de 3 a 0, e estava muito próximo do descenso. Porém, com gol de Diego Alonso aos 27 minutos do segundo tempo, e dois de Franco Niell, aos 44 e 46 minutos finais, El Lobo teve emocionante recuperação, conquistando o resultado que precisava para permanecer na elite.

Já o Rosario entrou em campo no domingo em casa, contra o Belgrano, com a vantagem do placar de 1 a 0 do jogo de ida, e não decepcionou os torcedores no Gigante de Arroyito.

Juan Maldonado abriu o placar para os visitantes aos 38 minutos, mas Emilio José Zelaya igualou apenas um minuto depois, para o alívio dos donos da casa.

Segundos as regras do futebol argentino, são rebaixados diretamente os dois clubes com o pior “promedio” de pontos, ou seja, com a pior média, tirada pela soma de pontos das últimas três temporadas do clube, dividida pelo número de partidas disputadas. Os outros dois piores colocados, 17º e 18º lugares, disputam a repescagem com o 3º e 4º colocados da segunda divisão.

Nesta última campanha, foram rebaixados o Gimnasia y Esgrima de Jujuy e o San Martín, enquanto subiram o Chacarita Juniors, que retorna após cinco anos, e o estreante Atlético Tucumán.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo