Argentina

Final antecipada…e que final!

Não seria nada fácil a tarefa do Vélez. Fora de casa, o primeiro colocado do Clausura iria enfrentar o Colón, que começou a 11ª. rodada na vice-liderança, com um ponto a menos, junto com o Lanús. Além disso, a equipe de Santa Fe ainda não havia perdido como mandante no torneio. O cenário ficou ainda pior para o Fortín após o início do jogo: com 27 minutos, o rubro-negro já vencia por 2 x 0. Nenhum time até aquele momento havia marcado dois gols diante do Vélez, que permanece tendo a melhor defesa da competição (sete gols). E foi assim que terminou a etapa inicial. Porém, o Vélez conseguiu diminuir a desvantagem logo no primeiro minuto do segundo tempo, virou para 4 x 2 e, assim, pulou para os 25 pontos. Este foi o seu quarto triunfo consecutivo no Clausura.

Um dos destaques da partida foi o atacante Rodrigo López, do Vélez. Ele marcou dois gols e se tornou um dos artilheiros do torneio, com oito. O atacante Sand, do Lanús, também tem esse número. Aliás, sua equipe também ganhou fora de casa na rodada: 1 x 0 contra o Godoy Cruz, em Mendoza. O gol saiu de um lance que teve apenas quatro toques na bola. Primeiro, o goleiro Bossio cobrou o tiro de meta. Em seguida, o meio-campo Blanco tocou de primeira para o atacante Salvio, que dominou na entrada da área e chutou. Com essa vitória e a derrota do Colón, o Lanús assumiu a segunda posição isolada da competição, com 24 pontos. Já o Tomba lamenta o fim de sua invencibilidade como mandante no Clausura. Nos outros cinco compromissos, o Godoy Cruz havia conseguido dois empates e três derrotas.

Clássico cheio de ingredientes

O clássico entre San Lorenzo e Racing contou com a estreia de Diego Simeone no Ciclón. Para o treinador, existia a vantagem de que o confronto seria disputado em casa. Mesmo assim, o time não conseguiu vencer. O San Lorenzo esteve muito perto, é verdade, mas acabou chegando à sua quinta partida seguida sem triunfo no Clausura (dois empates e três derrotas).

Com um gol do meio-campo Solari, aos 36 minutos do segundo tempo, o San Lorenzo abriu o placar. Esse gol teve um significado muito importante, pois foi o primeiro sofrido pela Academia no torneio após 538 minutos. Embora tenha levado esse balde de água fria, o Racing empatou aos 50, através do zagueiro Martínez.

Arsenal entra para a lista

Oito equipes que disputam o Clausura não têm o mesmo treinador do início da competição. Mas os clubes não são os únicos responsáveis por essas trocas, pois houve técnicos que resolveram pedir demissão. O último time que entrou para essa lista foi o Arsenal, que mandou Daniel Garnero embora. Com ele no comando, o time de Sarandí obteve três vitórias, três empates e cinco derrotas no torneio. Nas últimas sete rodadas, um desempenho terrível: três empates e quatro derrotas.

A despedida de Garnero ocorreu após o empate contra o San Martín, em Sarandí. Os anfitriões abriram o placar com um gol do meio-campo Pellerano, nos acréscimos do primeiro tempo. Já na etapa final, o atacante Urbano, que havia entrado em campo no intervalo, empatou. Na classificação do Clausura, o Arsenal aparece em 14º lugar, com 12 pontos, ao lado de Newell’s e Boca.

Imitando a elite

O líder da competição enfrentando um dos vice-colocados, fora de casa, não foi exclusividade da divisão principal argentina. Na segunda divisão, essa cena também foi vista. O Chacarita, dono da primeira posição, visitou o Atlético Tucumán, que dividia a vice-liderança com o Belgrano. Entretanto, diferentemente do que ocorreu com o Vélez, o Funebrero perdeu por 1 x 0. Desta maneira, viu o fim de sua sequência de quatro vitórias no campeonato e estacionou nos 58 pontos. Já o Atlético subiu para os 53.

Nesta terça-feira, o Belgrano terá pela frente o Talleres, um de seus rivais de Córdoba. Caso vença, voltará a ficar ao lado do Atlético Tucumán, cujo saldo de gols é maior. E é bom que o Belgrano consiga um triunfo, pois há vários concorrentes com a sua pontuação. São eles: Instituto, Atlético Rafaela e Aldosivi. Se a competição terminasse hoje, Chacarita e Atlético Tucumán iriam para a elite. Quem disputaria a repescagem contra representantes da primeira divisão seriam Instituto e Atlético Rafaela.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo