Argentina

Boca Juniors é campeão em decisão dramática

O Boca Juniors sobreviveu a um final dramático para conquistar o título do Torneio Apertura do Campeonato Argentino. O time de Carlos Ischia perdeu por 1 a 0 para o Tigre, no estádio El Cilindro de Avellaneda, e só se sagrou campeão por causa do melhor saldo de gols no triangular que ainda contava com o San Lorenzo.

Os três times acabaram com três pontos, já que o San Lorenzo venceu o Tigre por 2 a 1, no primeiro jogo, e perdeu por 3 a 1 para o Boca Juniors no último sábado.

Nesta terça-feira, as duas equipes tinham desfalques importantes para a decisão. O Boca não contava com o meia Juan Román Riquelme e o volante Fabián Vargas, enquanto o Tigre havia perdido o goleiro Daniel Islas, todos por suspensão. Leandro Gracián e Cristian Chávez entraram no time xeneize, e Luis Ardente fez sua estréia na primeira divisão no gol do Tigre.

Apesar da necessidade do Tigre de vencer por dois gols de diferença, foi o Boca quem dominou a partida no primeiro tempo e criou as melhores oportunidades, falhando nas finalizações.

O drama tomou conta da torcida do Boca aos 22 minutos da segunda parte, quando o Tigre abriu o marcador. Após cruzamento de Matías Giménez da intermediária, o atacante Leandro Lázzaro aproveitou a indecisão entre o zagueiro Julio César Cáceres e o goleiro Javier García, aparecendo no meio dos dois para marcar de cabeça.

García já havia falhado no gol do San Lorenzo no sábado, e o técnico Carlos Ischia, sentindo o abatimento do goleiro, decidiu substitui-lo pelo reserva Josué Ayala. O Tigre intensificou a pressão e passou a insistir em cruzamentos para a área, mas o Boca resistiu com o placar que lhe servia e ainda desperdiçou chances nos contra-ataques. Nos acréscimos, o boquense Rodrigo Palacio foi expulso.

Para o Tigre, promovido à primeira divisão em 2007, teria sido um título inédito. Curiosamente, o time dirigido por Diego Cagna também havia terminado em segundo lugar no Apertura do ano passado, atrás do Lanús. O Boca Juniors chegou a 23 conquistas na era profissional do futebol argentino.

Com o título do Boca, o Estudiantes herda uma vaga na Copa Libertadores da América de 2009, por ser o segundo time de melhor campanha na soma dos últimos três torneios, atrás do San Lorenzo. Lanús e River Plate, campeões do Apertura e do Clausura na temporada 2007/08, são os outros representantes da Argentina.

O Boca Juniors disputará o grupo 2 da Libertadores, ao lado do Guaraní, do Paraguai, do Deportivo Táchira, da Venezuela, e o vencedor do confronto entre Deportivo Anzoátegui e Deportivo Cuenca.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo