Alemanha

O Dynamo Dresden celebrou o retorno à segunda divisão alemã, num domingo de festa e tumulto na cidade

Antigo clube da Oberliga voltou um ano depois da queda, numa disputa pelo acesso envolvendo outros times tradicionais

Um dos clubes mais tradicionais da Alemanha, o Dynamo Dresden conquistou neste domingo o acesso de volta à segunda divisão da Bundesliga. Os aurinegros tinham caído na temporada passada, em uma campanha na qual o time foi bastante prejudicado pelos casos de COVID-19 em seu elenco. Um ano depois, porém, o antigo representante da Alemanha Oriental subiu de imediato. A promoção foi conquistada com uma rodada de antecedência, graças à goleada por 4 a 0 sobre o Türkgücü Munique. A ocasião seria marcada por uma grande festa dos torcedores em Dresden, mas também por conflitos massivos de parte da multidão com a polícia.

Dono de uma boa estrutura e de uma das maiores torcidas do leste alemão, o Dynamo Dresden fez uma campanha segura na terceirona. O começo nem parecia muito promissor, com muitos tropeços e pontos perdidos fora de casa. Porém, o time engatou uma boa sequência no primeiro turno e chegou à liderança no 15° compromisso, para não sair mais – apesar de certos riscos no mês de abril. Naquele momento, a vantagem de 13 pontos na zona de acesso se perdeu, com uma sequência de cinco rodadas sem vencer. Pesou a decisão da diretoria em demitir o técnico Markus Kauczinski. Alexander Schmidt assumiu a equipe na reta final e recuperou o grupo para consumar a promoção.

O Dynamo Dresden entrou na penúltima rodada com uma vantagem de dois pontos na liderança e de quatro pontos na zona de acesso. Munique 1860 e Ingolstadt eram os candidatos a colocar água no chope. Contudo, os aurinegros fizeram sua força ficar expressa em campo. A equipe atropelou o Türkgücü Munique por 4 a 0 e manteve a distância no topo, algo suficiente para o acesso antecipado. O desempenho do Dynamo em casa, aliás, foi excelente. A equipe conquistou 41 de seus 72 pontos em seus domínios, com 35 gols marcados e apenas 14 sofridos em 19 partidas.

A festa do acesso reuniria mais de 5 mil pessoas nos arredores do Estádio Rudolf Harbig. Porém, num momento em que as autoridades não permitem aglomerações nestas proporções, ocorreriam problemas. O jogo foi adiado do sábado para o domingo, a fim de garantir uma preparação maior da polícia. O próprio clube insistiu para que seus fãs não comparecessem ao local. Ainda assim, uma multidão se fez presente e ocorreram confrontos massivos de torcedores com as forças de segurança. Mesmo representantes de grupos de torcidas do clube publicaram mensagens condenando a violência. Apontaram que “não eram torcedores”, ao se distanciarem dos valores pregados pelo clube. Em contrapartida, também destacaram o despreparo da polícia e o uso de força excessiva, com canhões de água e gás de pimenta, contra uma multidão que era majoritariamente pacífica.

A última rodada da 3. Liga servirá para definir o segundo time promovido à segundona, assim como o classificado aos playoffs de acesso. O favorito é o Hansa Rostock, outro clube da antiga Alemanha Oriental, que soma 70 pontos. O Ingolstadt é o atual terceiro com 68 pontos. E quem perde fôlego num momento decisivo é o Munique 1860, que só empatou na rodada e ficou com 66 pontos. A rodada final guarda justamente o confronto direto entre Ingolstadt e 1860. Na rabeira da tabela, Unterhaching e Lübeck caíram. Os outros dois rebaixados ficarão entre Uerdingen, Meppen e Bayern II – exatamente o campeão da temporada passada. O tradicional Kaiserslautern, que corria o risco de descenso, já garantiu matematicamente a permanência.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Bloqueador de anúncios? Aí é falta desleal =/

A Trivela é um site independente, que precisa das receitas dos anúncios. Desligue o seu bloqueador para podermos continuar oferecendo conteúdo de qualidade de graça e mantendo nossas receitas. Considere também nos apoiar pelo link "Apoie" no menu superior. Muito obrigado!