AlemanhaBundesliga

Numa semana eufórica aos rivais, o Hamburgo venceu o dérbi e encerrou a seca recente contra o St. Pauli

Os dois times vinham de notáveis vitórias pela Copa da Alemanha, mas o Hamburgo jogou melhor e se aproximou dos rivais no topo da segundona

A cidade de Hamburgo vinha de uma semana bastante exitosa dentro das quatro linhas. Tanto Hamburgo quanto St. Pauli avançaram às quartas de final da Copa da Alemanha. Os Dinossauros bateram o Colônia nos pênaltis, enquanto os Piratas sobraram diante do Borussia Dortmund. Porém, apenas uma das torcidas começaria o final de semana em festa, com o dérbi pela segunda divisão da Bundesliga. E deu Hamburgo, com uma certa dose de alívio. O HSV vinha de cinco clássicos sem vencer e foi superior dentro do Volksparkstadion, mas precisou buscar a virada por 2 a 1. O time entra provisoriamente na zona de acesso, enquanto o St. Pauli pode perder a liderança.

Os primeiros minutos pendiam ao Hamburgo. Os Dinossauros abafavam no ataque e iam acumulando chances, mas carimbaram a trave na melhor delas. O St. Pauli demorou a entrar no jogo, mas conseguiu abrir o placar em sua primeira boa oportunidade. Aos 30 minutos, uma cobrança de falta na direita permitiu que Etienne Amenyido ajeitasse no segundo pau e Guido Burgstaller conferisse quase em cima da linha para dentro. O HSV até tentou buscar o prejuízo no fim do primeiro tempo, mas ainda não conseguiu converter.

O Hamburgo voltou melhor para o segundo tempo e iniciou sua reação com o empate aos 13. Sonny Kittel cobrou escanteio e Sebastian Schonlau definiu de cabeça na pequena área. O Hamburgo seguia melhor na partida e consumou a virada logo aos 25, como prêmio à ótima apresentação de Bakery Jatta. Kittel mais uma vez deu a assistência, num ótimo lançamento em profundidade, para o ponta dominar e chutar cruzado, mesmo com pouco ângulo. O St. Pauli ainda tinha tempo para evitar a derrota e Burgstaller reapareceu para ameaçar a meta dos Dinossauros, mas a noite pouco inspirada dos Piratas cobrou seu preço com a derrota.

O Hamburgo não vencia o dérbi desde setembro de 2019, quando goleou por 4 a 0 no Millerntor. Desde então, o St. Pauli vinha de quatro vitórias e um empate, sua maior sequência invicta na história do confronto. Os Piratas somam 37 pontos na liderança da 2. Bundesliga, mas vêm de quatro rodadas sem vencer e podem ser ultrapassados pelo Darmstadt. Já os Dinossauros assumem a terceira posição, com 34 pontos. Porém, numa campanha com muitos empates, o HSV ainda pode ser superado por outras quatro equipes na rodada, em disputa bastante parelha na segundona.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

[embedcode get="script" playlist_id="match"]
Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo