Alemanha

Caridade com crianças brasileiras valeu um prêmio importante para Özil

O meia Özil pagou pela cirurgia de 23 crianças brasileiras doentes depois da Copa do Mundo deste ano, uma para cada jogador do elenco alemão. A ideia era agradecer a hospitalidade do povo brasileiro durante o torneio, e não há nenhuma dúvida de que a sua intenção foi genuína, mas também valeu ao jogador do Arsenal o prêmio Laureus, um dos mais importantes do esporte.

LEIA MAIS: Özil transforma prêmio do título em cirurgia em crianças brasileiras

A cerimônia foi realizada na noite da última quarta-feira. Ele levou o prêmio “Esporte para o bem” por causa da sua boa ação e foi homenageado. Özil ainda informou que as cirurgias foram um sucesso. “Tivemos a ideia de ajudar as 23 crianças da equipe. Elas passaram pela cirurgia, que foi bem sucedida. Fico muito agradecido. Os médicos fizeram um grande trabalho. Estou feliz porque tudo deu certo para as crianças”, afirmou.

Depois da cerimônia, Özil contou que tem vários outros pequenos projetos parecidos para ajudar crianças ao redor do mundo. Na época da Copa, inclusive, havia um boato de que doaria o seu prêmio para a Palestina, o que não foi descartado pelo seu agente. Dentro de campo, o meia está machucado e às vezes é criticado quando não consegue decidir as partidas, mas, fora dele, parece ter uma postura impecável.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo