Sem categoria

Uefa decide amenizar punição a Scolari

Em decisão anunciada nesta quinta-feira, a Uefa amenizou a punição dada a Luiz Felipe Scolari. De acordo com a nova sentença, o treinador da seleção portuguesa recebeu uma suspensão por três meses, sendo que um deles só será cumprido caso ele cometa outro ato de indisciplina nos próximos dois anos.

Originalmente, o brasileiro havia sido suspenso por quatro partidas por tentar agredir Ivica Dragutinovic ao final do jogo dos Tugas contra a Sérvia, em 12 de setembro, pelas eliminatórias da Eurocopa-08. Scolari não teria condições de comandar a seleção nos jogos restantes da competição; porém, com a redução da pena, ele poderá ficar no banco de reservas contra a Finlândia, em 21 de novembro, na última rodada do torneio.

A multa de pouco mais de € 12 mil foi mantida. Scolari ainda tem um prazo de dez dias para recorrer da nova decisão. Nas partidas contra Azerbaijão, Cazaquistão e Armênia, não será permitido ao treinador ter acesso aos vestiários, ao túnel, à zona técnica e ao gramado. Scolari também está proibido de se comunicar de qualquer maneira com a equipe.

O episódio teve repercussão negativa em Portugal, apesar de o técnico reconhecer seu erro. Scolari contou com o apoio da federação, que desmentiu os boatos sobre uma possível demissão, e entrou com um pedido de apelação à sentença inicial, considerada ‘excessiva’ pelo brasileiro.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo