Grupo E: Debrecen

Há nada menos que 15 anos uma equipe húngara não repetia o feito que o Debrecen realiza pela primeira vez em sua história: se classificar para a fase de grupos da Liga dos Campeões.

Foi superando o Levski Sofia – apontado como favorito no confronto dos play-offs – que o campeão da Hungria três vezes nos últimos quatro anos conquistou o feito inusitado para sua torcida. Porém, como todo bom pequeno time da LC, o coro é unânime ao apontá-lo como time a apenas completar o grupo.

Não que a chave em que caiu seja das equipes que vivem seu melhor momento – o Liverpool é um grande time, bem como Lyon e Fiorentina, mas nenhum deles foi suficientemente convincente em suas últimas campanhas – mas o nível técnico do Debrecen está bem abaixo dos adversários.

O Loki irá estrear contra o cabeça-de-chave de Liverpool. Não pode ser considerada a primeira partida dos sonhos, para uma equipe que ambiciona avançar na competição. A última experiência contra um time inglês não foi das mais positivas: foram eliminados na terceira fase preliminar da LC pelo Manchester United, em 2005, com placar agregado de 6 a 0.

Porém, a fase dos húngaros é boa. Venceram cinco dos últimos seis jogos das fases preliminares, e eliminaram também o Levski Sofia e o Levadia Talinn.

No elenco, o destaque é o atacante Gergely Rudolf, de 24 anos, que chama a atenção pelas suas habilidades nos dribles e na facilidade em marcar com gols. O jogador chegou também a atuar no Nancy, antes de retornar à Hungria, em 2007.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo