Sem categoria

Associação de clubes critica Fifa por recuo sobre Olimpíadas

Os clubes europeus criticaram a Fifa e o presidente Joseph Blatter por terem recuado em um suposto acordo sobre a redução do limite de idade para o torneio de futebol dos Jogos Olímpicos. Segundo a Associação dos Clubes Europeus (ECA), havia um acordo para limitar a competição olímpica a jogadores de até 21 anos.

“Ficamos surpresos com a mudança de opinião da Fifa”, diz nota assinada pelo presidente da ECA, Karl-Heinz Rummenigge. “Em várias reuniões, tínhamos o consenso para mudar o limite de idade das Olimpíadas para 21 anos, sem jogadores acima da cota. Achamos que não é aceitável e encorajamos a Fifa a manter sua posição inicial”.

Atualmente, o torneio olímpico é composto por jogadores até 23 anos, com cada seleção podendo escalar até três jogadores acima desta idade.

Recentemente, a Fifa afirmou que o futebol corria o risco de ter o número de seleções diminuído pelo Comitê Olímpico Internacional (COI) ou até mesmo ser excluído do programa olímpico caso o limite de idade fosse reduzido.

Ainda assim, a ECA insiste no cumprimento do acordo. “Lembramos algumas declarações do senhor Blatter apoiando a proposta. Achamos que estava claramente aceito pela Fifa. Esperamos que o senhor Blatter cumpra seus compromissos”, afirmou Joan Laporta, presidente do Barcelona e vice da ECA.

Nos Jogos Olímpicos de 2008, clubes chegaram a recorrer ao Tribunal Arbitral do Esporte (TAS) para impedir que seus jogadores disputassem o torneio. O Barcelona conseguiu provar que não era obrigado a liberar Lionel Messi, mas acabou fazendo um acordo para liberar o argentino, que conquistaria a medalha de ouro pela Argentina.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo