Olimpíadas

Alemanha e França sofrem, mas conseguem vencer a primeira em Tóquio 2020

Gignac fez um hat-trick e deu assistência na vitória por 4 a 3 sobre a África do Sul, e a Alemanha, com um a menos, derrotou a Arábia Saudita por 3 a 2

Alemanha e França tiveram que se esforçar, mas, com gols no fim após jogos cheios de idas e vindas, conseguiram ganhar pela primeira vez na Olimpíada de Tóquio 2020, neste domingo, contra Arábia Saudita, por 3 a 2, e África do Sul, por 4 a 3, respectivamente.

Um gol solitário de Facundo Medina pegando rebote da sua própria cabeçada na trave, aos sete minutos do segundo tempo, também representou a recuperação da seleção argentina, que ganhou do Egito, por 1 a 0, após estrear perdendo da Austrália.

Os australianos mantiveram a Espanha em um impasse até os 36 minutos da etapa final, quando Mikel Oyarzabal desviou de cabeça o cruzamento de Marco Asensio para garantir a vitória por 1 a 0 e a liderança do grupo C, com quatro pontos. Argentina e Austrália têm três cada.

Standings provided by SofaScore LiveScore

O Grupo B é até agora o mais equilibrado. Honduras marcou duas vezes na reta final para ganhar da Nova Zelândia, de virada, por 3 a 2, e Lee Kang-in, promessa sul-coreana do Valencia, fez dois na goleada do seu país contra a Romênia por 4 a 0. Os quatro times estão empatados em três pontos cada.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Hat-trick de Gignac salva a França

O placar estava zerado até os oito minutos da etapa final e ainda deu tempo para termos sete gols na vitória francesa por 4 a 3 sobre a África do Sul. Kobalemo Kodisang aproveitou um desentendimento entre o goleiro francês Paul Bernardoni e o lateral Clément Michelin, desarmou o defensor e tocou para o gol vazio para abrir os trabalhos em Saitama. Quatro minutos depois, Randal Kolo Muani recebeu a virada de jogo pela ponta esquerda, foi à linha de fundo e cruzou rasteiro para um desvio sutil de André-Pierre Gignac.

A igualdade foi novamente quebrada quando Kodisang deixou Niels Nkounkou na saudade pela ponta direita e cruzou à primeira trave, onde Evidence Makgopa completou com força. Bernardoni chegou a tocar a bola, mas não conseguiu fazer a defesa. Em outra jogada de linha de fundo, porém, Michelin cruzou alto à pequena área, e Gignac subiu alto para cabecear.

Teboho Mokoena acertou um chute lindo de fora da área para recolocar a África do Sul na frente, mas a imprudência do goleiro Ronwen Williams, cometendo pênalti em Arnaud Nordin, permitiu que Gignac completasse o seu hat-trick e arrancasse o empate.

O atacante do Tigres não estava satisfeito e, aos 47 minutos da etapa final, foi ele mesmo à linha de fundo pela esquerda e lançou a bola ao outro lado da área, onde Savanier dominou, abriu para a perna esquerda e bateu rasteiro no canto de Williams para selar a vitória francesa.

Takefusa Kubo marcou logo aos três minutos, com uma finalização bonita após cruzamento da direita, e Ritsu Doan converteu pênalti para abrir vantagem ao Japão, que venceu o México, por 2 a 1, e lidera o grupo com seis pontos. Franceses e mexicanos aparecem na sequência, com três cada.

A França, porém, tem quatro gols de desvantagem no saldo e enfrenta o Japão na última rodada, enquanto o México enfrentará um desafio teoricamente mais tranquilo contra a África do Sul.

.

.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Alemanha arranca vitória com um a menos

A Alemanha deixou duas vezes a vantagem escapar e ficou com um homem a menos na metade do segundo tempo, mas ainda conseguiu arrancar a vitória sobre a Arábia Saudita, eliminada de Tóquio 2020 com uma rodada de antecedência, por 3 a 2, em Yokohama.

Nadien Amiri completou uma transição rápida e coletiva da Alemanha, aos 12 minutos, para abrir o placar, mas Sami Al-Najei empatou após o goleiro Florian Müller deixar rebote do chute de Salem Al-Dawsari da entrada da área.

Ragnar Ache precisou chutar duas vezes, mas conseguiu colocar a Alemanha na frente novamente, apenas para Sami Al-Najei empatar pela segunda vez, pouco depois do intervalo. O zagueiro Amos Pieper foi expulso aos 22 minutos, e parecia que os alemães se complicariam de vez nos Jogos, após perderem do Brasil na estreia.

Mas Felix Uduokhai estava no lugar certo e nem precisou sair do chão para completar o escanteio cobrado por Max Kruse, aos 30 minutos da etapa final. Mesmo com bastante tempo sobrando, a Alemanha conseguiu segurar a vitória e está em terceiro lugar, a um ponto da Costa do Marfim, sua adversária na rodada final da fase de grupos.

Standings provided by SofaScore LiveScore

.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo