Mundo

Jogadores manifestam pesar por tragédia no Egito

A tragédia no estádio em Port Said, que acabou com a morte de pelo menos 79 pessoas, chocou a comunidade futebolística no mundo inteiro. Vários jogadores, técnicos e dirigentes manifestaram pesar pela situação.

Sandro Rosell, presidente do Barcelona. expressou sua tristeza via Twitter. “Meus pensamentos estão com as vítimas da tragédia em Port Said”. Também pela rede social, o meio-campista Cesc Fàbregas, foi mais enfático, também através da rede social. “Estou muito triste com o que aconteceu. Futebol era para ser uma experiência divertida. É terrível o que alguns imbecis são capazes de fazer”.

Na Inglaterra, os jogadores também se manifestaram. “Estou muito triste. Futebol deve estar relacionado com felicidade, e não com violência”, afirmou o meia holandês Rafael van der Vaart, do Tottenham. Para o austaliano Lucas Neil, ex-Everton e atualmente no Al Jazira, “não há vencedores. Apenas vítimas”.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo