Mundo

Como Arda Turan foi de milionário a pobre em pesadelo financeiro

Arda Turan diz que foi vítima de um golpe aplicado por diretora de banco em Istambul

Arda Turan está vivendo um verdadeiro pesadelo financeiro. O ex-jogador do Barcelona e do Atlético de Madrid revelou em entrevista que perdeu todo o dinheiro poupado durante a carreira. Vítima de um golpe da diretora do Denizbank (banco em Istambul), chamada Seçil Erzan, o turco disse que teve prejuízo de mais de 13,9 milhões de dólares (aproximadamente R$ 70 milhões na cotação atual).

– Ela me enganou, dizendo: ‘Se investir neste fundo, obterá lucros'. Dei mais de 13,9 milhões (de dólares). Todo o dinheiro e o esforço que tive… O trabalho de anos, todas as minhas economias desapareceram de repente (…) Me enganou e levou o dinheiro que ganhei pelo trabalho. Esse incidente esgotou-me. Todas as minhas economias desapareceram num instante -, relatou Turan.

Muslera e outros jogadores também foram enganados

Arda Turan não foi o único a ser enganado por Seçil Erzan. O goleiro uruguaio Fernando Muslera, do Galatasaray, afirmou não ter obtido lucro algum depois de ter investido 1,2 milhão de dólares em um fundo. Além do arqueiro, outros ex-jogadores turcos também vieram a público protestarem contra a estelionatária. Ao todo, 18 pessoas denunciaram a diretora, que está sendo investigada por fraude na Turquia.

De acordo com a imprensa turca, dentre as vítimas de Seçil Erzan estão: Emre Belözoglu, treinador do Basaksehir, e Emre Colak, ex-meia do Galatasaray e do Deportivo de La Coruña.

Carreira de Arda Turan

Formado nas categorias de base do Galatasaray, Arda Turan chegou a ser emprestado ao Manisaspor, onde se destacou. Chamado de volta para a temporada 2006/07, rapidamente impressionou o então técnico Eric Gerets. No gigante turco, Turan conquistou três títulos (Campeonato Turco, Copa da Turquia e Supercopa da Turquia), se tornou ídolo e xodó da torcida e recebeu a camisa 10 e a faixa de capitão.

Após passagem de sucesso no Galatasaray, Arda Turan despertou o interesse do Atlético de Madrid, que o contratou em agosto de 2011. No total, disputou 178 jogos pelos Colchoneros, marcou 22 gols, concedeu 32 assistências e faturou quatro títulos, com destaque para a LaLiga de 2013/14 e a Liga Europa de 2011/12.

Turan foi comprado pelo Barcelona em julho de 2015 e assinou por cinco temporadas. No entanto, em virtude de uma sanção imposta pela FIFA, que impediu o clube catalão de inscrever novos jogadores, atuou somente a partir de janeiro de 2016. Apesar de não ter caído nas graças da torcida culé, o turco balançou as redes 15 vezes em 55 partidas e fez parte do plantel campeão de LaLiga 2015/16 e Copa do Rei (2015/16 e 2016/17).

Antes de se aposentar em 2022, Arda defendeu o İstanbul Başakşehir e retornou ao Galatasaray. Atualmente, é técnico na segunda divisão da Turquia.

Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Apaixonado por futebol, uniu o amor pelo esporte mais popular do mundo ao jornalismo. Carioca da gema e grande entusiasta da Premier League, cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na música, vai de Post Malone a Armandinho. Eclético assim como na área técnica. Afinal, Guardiola e Mourinho são suas referências.
Botão Voltar ao topo