O acordo entre Liverpool e Nike foi anunciado em janeiro e o contrato passaria a valer a partir do dia 1º de julho, mas o adiamento da temporada causado pela pandemia fez com que o clube adiasse a mudança de fornecedora. Agora, finalmente, após o fim da temporada para o clube, os novos uniformes foram apresentados pela Nike. A camisa 2020/21 do Liverpool passa a ser da Nike e não traz grandes inovações, apostando em um desenho básico e funcional.

A camisa traz o vermelho tradicional na camisa, calções e meias. A cor vermelha, porém, é um pouco mais clara do que a última camisa da New Balance. A gola é em V, com frisos em branco e uma linha em turquesa também nas mangas. Turquesa é a mesma cor que aparece no escudo do clube, que não é usado na camisa desde 2012. Desde aquela temporada, o Liverpool passou a usar apenas o pássaro na camisa. No torso, uma pequena faixa em branco. O escudo do clube e o logo da Nike também estão em branco.

A nuca da camisa traz o emblema 96, lembrando as vítimas da tragédia de Hillsborough, algo que mexe profundamente com a cidade e com o clube. Assim como outras camisas da Nike, é feita pela com 100% de poliéster reciclado, produzida a partir de garrafas plásticas recicladas. A Nike irá fornecer os uniformes para o time principal masculino e feminino, categorias de base e comissão técnica, além da LFC Foundation, a entidade de caridade oficial do clube.

“Nós estamos muito empolgados em fazer uma parceria com um ícone global como o Liverpool FC. Esta parceria estratégica irá reforçar a posição da Nike como melhor e mais inclusiva marca de futebol no mundo”, declarou Bert Hoyt, vice-presidente e gerente geral da Nike Europa. “Quando a próxima temporada começar, estamos ansiosos para fornecer ao clube e seus torcedores coleções elegantes e inovadoras, ao mesmo tempo em que aumentamos nossa ambição compartilhada de inspirar os jovens e as futuras gerações através de um futebol brilhante”.

“Nós falamos em janeiro, quando anunciamos a parceria com a Nike, sobre nossas expectativas que eles se tornem um incrível parceiro para o clube”, declarou Billy Hogan, Diretor Geral e de Comunicações do Liverpool, que também irá assumir a função de CEO do clube no lugar de Peter Moore a partir deste mês. “Nós estamos empolgados em começar esta jornada com a Nike, o líder global em material esportivo e estamos ansiosos para trabalhar juntos em levar produtos com desempenho e estilo de vida para nossos torcedores no próximo ano”.

“Eu sou parte da família Nike há seis anos e nós temos uma relação incrível”, disse o zagueiro Virgil van Dijk, não por acaso um dos escolhidos para posar com a camisa nova. “Eu estou muito familiarizado com a qualidade de designa e inovação que vem com fazer um uniforme como esse. Entrar como campeões na próxima temporada com este uniforme será realmente especial”.

A parceria com o Liverpool inclui também a participação da Nike em uma iniciativa local no bairro de Toxteth. A marca americana participará de uma iniciativa, com o seu projeto Made to Play, da Nike, para incentivar prática do esporte e atividade física entre crianças. A ideia é aumentar o acesso de crianças de 4 a 16 anos da região à práticas esportivas e lúdicas.

“Isso inclui uma bolsa para um curso de formação de técnicos para negros, asiáticos e outras minorias étnicas; um fórum e um curso de liderança para formar jovens líderes; e incentivo para que o time Kingsley United, com sede em Toxteth, crie uma equipe feminina. A Nike vai apoiar ainda colônias de férias organizadas por treinadores, que ofereçam um ambiente seguro para a juventude do bairro”.

A camisa está disponível já neste dia 1º de agosto na loja online e no aplicativo da Nike. Os uniformes novos estarão disponíveis nas lojas de varejo ao redor do mundo a partir do dia 6 de agosto.