ItáliaSerie A

Zeman: “O presidente da federação é inimigo do futebol”

Técnico da Roma, Zdenek Zeman criticou duramente a postura de Giancarlo Abete, presidente da Federação Italiana de Futebol. O tcheco colocou em xeque a gestão de Abete à frente da entidade, a qual dirige desde 2007.

“Ele não é meu inimigo. Ele é inimigo do futebol. Aconteceram algumas melhoras, mas eu temo que isso tenha acontecido mais por medo de algo ser descoberto do que por fazer algo correto. Precisamos de mais exemplos positivos na Itália. O futebol pode ser simples. Isso significa provar a si mesmo e ser superior dentro de campo, não fora dele”, disse.

Chefe da delegação italiana na Copa do Mundo de 2006, Abete precisou lidar com dois escândalos de manipulação de resultados durante sua gestão. Além disso, o período é marcado pela perda de força econômica dos clubes do país. O italiano também é vice-presidente da Uefa desde março de 2011.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo