Serie A

Clássico dos desesperados: Sampdoria vence dérbi contra o Genoa e respira na tabela

Pênalti perdido por Criscito no fim da partida ampliou o drama dos grifoni na Serie A

Em um dérbi atípico para as torcidas genovesas, Sampdoria e Genoa entraram em campo neste sábado (30) em busca de três pontos cruciais para a sobrevivência na Serie A. Na batalha, a Samp levou a melhor e venceu por 1 a 0, complicando imensamente a vida do rival na competição.

O clássico trouxe toda a tensão inerente da luta contra o descenso. Afinal, depois de hoje, os dois times têm apenas três jogos pendentes para definirem suas vidas. E nesses 90 minutos cruciais, a Samp soube lidar melhor com o nervosismo, mantendo sua cabeça fora da zona de perigo.

O gol de Abdelhamid Sabiri, aos 25 minutos, determinou os rumos do resto da partida. O jogo foi muito amarrado, mas com maior volume por parte do Genoa, que teve mais a bola e chutou mais (14 vezes), sendo 4 no gol de Emil Audero. No entanto, o arqueiro blucerchiato conseguiu evitar o pior. A cada minuto que passava, a apreensão do lado dos grifoni aumentava. Já nos acréscimos da etapa final, veio a grande chance de empate, que representava alguma esperança para o Genoa. O capitão Domenico Criscito foi para a bola e esbarrou em Audero, que fez a defesa e garantiu os três pontos à Samp.

Embora esteja a apenas três pontos do Cagliari (28), primeiro fora da zona de rebaixamento, o Genoa (25) sofreu um grande abalo moral com a derrota para seu arquirrival, que agora está a oito pontos de distância. Se quiser escapar da degola, a equipe rossoblu terá de vencer todos os seus jogos restantes e ainda torcer contra os adversários diretos. O problema é que já na próxima rodada, a Juventus será o oponente. A Samp (33), que corre um remoto risco, enfrentará a Lazio e acompanhará Salernitana (25) e Venezia (22), que têm dois jogos a menos na tabela.

Mostrar mais

Felipe Portes

Felipe Portes é zagueiro ocasional, cruyffista irremediável e desenhista em Instagram.com/draw.portes

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo