O faria uma partida teoricamente mais acessível nesta rodada da Serie A, ao visitar a dentro do Estádio Friuli. No entanto, os celestes precisaram insistir um bocado para comemorar neste domingo. A vitória por 2 a 1 saiu apenas no apagar das luzes, com um gol de Tiemoué Bakayoko aos 45 do segundo tempo. O resultado mantém os napolitanos na briga pelas vagas na Champions League, embora o time apareça fora do G-4 por conta do saldo de gols superior da Atalanta.

O Napoli não atravessa uma boa sequência, com apenas uma vitória nas cinco rodadas anteriores, incluindo o revés para o Spezia no meio da semana. Além disso, Gennaro Gattuso segue sem contar com os lesionados Dries Mertens e Victor Osimhen. E apesar de alguns sustos da Udinese, os napolitanos conseguiram abrir o placar aos 15 minutos, num pênalti sobre Hirving Lozano. Lorenzo Insigne se encarregou da cobrança e converteu com categoria. Os celestes poderiam ter ampliado duas vezes com Lozano, mas o goleiro Juan Musso realizou defesas incríveis para manter seu time no jogo.

A Udinese também causava problemas na base da velocidade e empatou aos 25. Amir Rrahmani fez um recuo displicente para o goleiro Alex Meret e Kevin Lasagna bateu a carteira, passando pelo goleiro com facilidade antes de chutar à meta vazia. Lasagna ainda poderia ter feito o segundo, mas bateu em cima de Meret num lance mano a mano. Na volta ao segundo tempo, o Napoli retomou seu ímpeto ofensivo, mas era difícil vencer Musso. Do outro lado, Meret também trabalharia para salvar seu time mais duas vezes, em novos contra-ataques concluídos por Jens Stryger-Larsen e Lasagna com enorme liberdade.

O Napoli, apesar dos riscos, pressionava mais. Insigne coordenava o ataque, mas faltava um pouco mais de capricho nas finalizações. O desafogo só surgiu aos 45, numa cobrança de falta na intermediária. Mario Rui levantou a bola para o meio do pagode e Bakayoko saltou sozinho, para acertar a cabeçada decisiva. Um alívio tremendo para manter os napolitanos na briga pelas cabeças da Serie A. Os celestes aparecem na quinta colocação, com 31 pontos. A Atalanta está à frente no saldo de gols e Juventus ou Sassuolo também podem passar, dependendo do resultado no confronto deste domingo. Já a Udinese ocupa o 14° lugar, com 16 pontos.

Em outra partida do horário, a derrotou o Parma por 2 a 0 dentro do Ennio Tardini. O jogo marcava o retorno do técnico Roberto D’Aversa aos gialloblù, após a troca equivocada por Fabio Liverani, mas a reestreia não ajudou os anfitriões. Os laziali fizeram o primeiro aos dez do segundo tempo, numa boa construção concluída por Luis Alberto, e fecharam a conta 12 minutos depois, num lindo passe de cavadinha dado por Sergej Milinkovic-Savic, que Felipe Caicedo arrematou. A Lazio ocupa o oitavo lugar, com 28 pontos, enquanto o Parma é o vice-lanterna. Na nona colocação, o Verona superou o lanterna Crotone por 2 a 1, no Estádio Marcantonio Bentegodi. Nikola Kalinic e Federico Dimarco fizeram os gols dos anfitriões ainda no primeiro tempo.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore