Serie A

O Napoli interrompeu a sequência de vitórias da Inter, mas não foi capaz de ir além do empate

Celestes desperdiçaram a chance de se igualar à Juventus na tabela, enquanto nerazzurri sustentam nove pontos de vantagem na liderança

A série de 11 vitórias consecutivas da Internazionale na Serie A acabou interrompida neste domingo, ainda que os nerazzurri tenham ampliado sua sequência invicta para 15 jogos. Antonio Conte sabia que seu time teria um compromisso difícil, ao visitar o Napoli no Estádio Diego Armando Maradona. Não foi a partida mais intensa, mesmo que as duas equipes tenham acertado as traves em três oportunidades. Os napolitanos saíram em vantagem graças a uma lambança de Handanovic, mas Eriksen buscou o empate por 1 a 1 no segundo tempo. A diferença na liderança cai para nove pontos, mas nada que indique uma ameaça tão grande à reconquista do Scudetto depois de 11 anos.

Depois de primeiros minutos sem tanta emoção, o Napoli passou a se postar mais no campo de ataque e a buscar o gol. A Internazionale esperava na defesa e buscava os contragolpes, o que gerou chances mais claras. Romelu Lukaku quase abriu o placar aos 29, desviando um chute de Marcelo Brozovic, mas parou no travessão. E o gol do Napoli surgiu num lance bizarro, aos 36. Samir Handanovic deveria fazer uma defesa simples, agarrando um cruzamento de Lorenzo Insigne. Porém, o goleiro se chocou com Stefan De Vrij e soltou a bola para dentro da própria meta.

A sorte não estava do lado da Inter, definitivamente. Na sequência do primeiro tempo, a bola bateu na trave pela segunda vez. Christian Eriksen cobrou falta e o tiro explodiu em Lukaku, antes de estalar o metal. Os nerazzurri tentaram pressionar antes do intervalo, mas a defesa napolitana se segurou. Durante o segundo tempo, a rotação dos interistas ainda era mais alta. A equipe se postava no ataque e empatou aos dez minutos. Numa sobra na entrada da área, Eriksen teve tempo de mirar o chute e mandar no cantinho, em pancada que Alex Meret não pôde salvar.

O Napoli até esboçou uma resposta na sequência e uma cobrança de falta fechada lambeu a trave, com Fabián Ruiz chegando atrasado na hora de completar. Mesmo assim, os anfitriões não fariam tanto e o jogo seguiu morno em Nápoles. O duelo reacenderia a partir dos 35, quando Matteo Politano mandou um petardo dentro da área e acertou o travessão de Handanovic. Logo depois, houve uma revisão de pênalti no VAR para os celestes, negada pela arbitragem. Os napolitanos seguiram mais interessados na vitória e rondavam a área, com a boa participação de Dries Mertens ao sair do banco. Mesmo assim, nada suficiente ao triunfo.

A Internazionale fica com 75 pontos na Serie A. Soma nove a mais que o Milan, restando mais sete rodadas para o desfecho da competição. Não parece ser suficiente a uma reviravolta, até pela forma recente dos dois clubes de Milão. O Napoli precisava bem mais dessa vitória e, com a igualdade, permanece na quinta colocação, com 60 pontos. Os celestes ficam a dois pontos da Juventus para alcançar o G-4, enquanto sentem a aproximação da Lazio, que coleciona vitórias seguidas e chegou aos 58 pontos. Na próxima rodada, acontece exatamente o confronto direto com os laziali.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo