Serie A

Nos acréscimos, Sassuolo arranca primeira vitória da história sobre a Juventus em Turim

Campanha da Juventus no Campeonato Italiano segue ruim, apenas em oitavo lugar na tabela depois de 10 rodadas

O Sassuolo conseguiu uma vitória histórica diante da Juventus no Allianz Stadium, em Turim. Jogando fora de casa, os neroverdi conseguiram vencer a maior campeã italiana pela primeira vez na história. O placar de 2 a 1 foi conquistado apenas nos acréscimos com Maxime Lopez, depois de Davide Frattesi abrir o placar para os visitantes e West McKennie empatar para a Velha Senhora.

O resultado é muito ruim para a Juventus, que vê a sua sequência positiva interrompida. Depois do empate com a Inter no último domingo, a equipe de Massimiliano Allegri voltou para casa e tinha a chance de voltar a vencer para reduzir a diferença para os líderes, mas desperdiçou. O Sassuolo, por sua vez, encostou na Juventus, com apenas um ponto a menos, em nono lugar.

Allegri colocou Mattia Perin como titular, uma rara chance para o goleiro, que normalmente é reserva de Wojciech Szczesny, desta vez no banco. Vestida no seu uniforme todo preto, a Juve foi a campo em um 4-4-2 e começou bem o jogo. Atacando mais, chegou mais vezes ao ataque, mas desperdiçou as oportunidades. No final do primeiro tempo, aos 44 minutos, em uma boa triangulação, Grégoire Defrel saiu da área e tocou para Davide Frattesi, que entrou na área com liberdade e marcou 1 a 0 para o Sassuolo.

No segundo tempo, Allegri colocou Juan Cuadrado no lugar de Adrien Rabiot e tornou o time mais ofensivo. Paulo Dybala comandava o ataque, mas Álvaro Morata fez uma partida muito ruim ao seu lado. Acabaria substituído, aos 18 minutos da etapa final. Entrou no seu lugar o brasileiro Kaio Jorge, que ainda busca minutos com a camisa bianconera. Ele tentou bastante, mas não teve muitas chances de finalização.

Sem conseguir trabalhar bem as jogadas com a bola no chão, o empate da Juventus veio com uma bola parada. Dybala cobrou falta para a área e Weston McKennie cabeceou para igualar o placar em 1 a 1, aos 31 minutos. A Juventus, então, passou a atacar ainda mais em busca da virada. Vieram mudanças para tornar o time mais ofensivo, com as entradas de Dejan Kulusevski e Arthur nos lugares de Danilo e Manuel Locatelli.

Mesmo com ataques constantes e alguns lances que levaram perigo, em cruzamentos, quem sairia com a vitória seria o Sassuolo. Com 49 minutos no relógio, Domenico Berardi, muito participativo no jogo, acionou Maxime López que, de frente para Mattia Perin, deu um toque sutil por cima do goleiro e marcou: 2 a 1.

A vitória é histórica. Eram oito jogos entre os dois clubes em Turim, com sete vitórias da Juve e apenas um empate. Foi neste nono jogo que os visitantes conseguiram a primeira vitória fora de casa. O único empate aconteceu em 2019.

Veja os melhores momentos do jogo:

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo