Serie A

Napoli respira aliviado: Mertens reitera seu compromisso e renova até 2020

A torcida do Napoli pode se tranquilizar em relação ao seu maior temor. Especulado por outros clubes europeus, sobretudo da Premier League, Dries Mertens reiterou seu compromisso com a camisa celeste. Na noite desta sexta, o atacante belga renovou o seu contrato com os partenopei, firmando vínculo até o final da temporada 2019/20. A informação foi anunciada pelo próprio presidente dos napolitanos, Aurelio de Laurentiis, destacando a postura do jogador.

“Na última noite, eu tive uma reunião com Mertens. Nós passamos a noite juntos, ao lado de outros profissionais, discutindo as questões técnicas do contrato. Tudo funcionou perfeitamente para um acordo bilateral entre o clube e Dries. Isso protege os torcedores e eu. Dries ficará conosco por mais alguns anos, a menos que ele queira ir à China e alguém pague a cláusula que ele quis incluir, e nós não recusamos”, declarou o presidente, em entrevista a uma rádio napolitana.

Além disso, Aurelio de Laurentiis afirmou que a situação ocorrida com Gonzalo Higuaín não se repetirá com Mertens. Segundo o dirigente, a cláusula de rescisão se limita a clubes chineses, e só poderá ser acionada a partir de 2018: “Eu não era favorável à cláusula de rescisão depois do erro com Higuaín, mas nós aprendemos com o ocorrido. Por isso, a cláusula no contrato de Dries é válida apenas para a China. Podem relaxar, porque ele só vai jogar pelo Napoli na Itália. Se sair, será para um clube estrangeiro”.

Mertens foi o principal jogador do Napoli na temporada, somando 27 gols e 11 assistências na Serie A, além de ter contribuído decisivamente para a campanha até as oitavas de final da Liga dos Campeões. Trazido do PSV em 2013 do PSV, o belga chegou ao seu ápice no San Paolo, equiparando seu número de gols desta temporada com os dos últimos três anos somados. O reposicionamento no ataque, atuando mais centralizado por conta da lesão de Arkadiusz Milik, impulsionou o seu desempenho.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo