ItáliaSerie A

Miranda chega para resolver um problema da Inter, que se remonta para voltar ao topo

Um dos pontos baixos da Internazionale na temporada que acabou é que o time se mostrou pouco confiável na defesa. Não só por falta de nomes, já que a Andrea Ranocchia e Nemanja Vidic pareciam bons nomes e Juan Jesus, surpreendendo depois de um início de carreira bem inseguro, se tornou um jogador melhor. Mas nenhum deles conseguiu dar à Inter o que faltou toda a temporada: segurança. É claro que isso tem a ver também com o jeito do time jogar, com a forma como é armado, mas há jogadores que chegam e arrumam a casa. Se esperava que Vidic fizesse isso. Não fez e pode deixar o clube. Miranda chega do Atlético de Madrid para fazer isso e com potencial para melhorar bastante o nível da defesa interista.

LEIA TAMBÉM: A nova camisa da Fiorentina é simplesmente apaixonante

Miranda é um jogador muito tranquilo, seguro e técnico. Mostrou isso na Copa América, mesmo em uma seleção brasileira que era tudo, menos confiável. Foi um dos poucos que se salvou na triste campanha no Chile. Vinha de uma temporada não tão boa no Atlético de Madrid, é verdade. As lesões o tiraram de campo por muito tempo e o seu substituto, o uruguaio José Giménez, foi muito bem. Hoje titular da seleção uruguaia substituindo o antigo capitão, Lugano, o jogador se mostra pronto para o papel de titular que exercer na maior parte da temporada. Até por isso, o Atlético de Madrid se viu tranquilo para negociar Miranda, de 30 anos, e ficar com o garoto formando a zaga com Diego Godín.

A Inter, por sua vez, viu em Vidic um jogador longe dos seus melhores dias, o que já se notava no final da sua passagem pelo Manchester United, e um Ranocchia que, embora tenha assumido a faixa de capitão, não foi capaz de ser o porto seguro da defesa. Miranda chega com status de titular, provavelmente com Ranocchia ao seu lado, e com Jeison Murillo, colombiano que fez boa Copa América e vem do Granada por € 8 milhões.

Na Inter, Miranda poderá também exercer um papel de liderança, outro aspecto que Ranocchia não conseguiu dar à equipe. Bom pelo alto, seguro também por baixo e com boa saída de bola, Miranda deve ser destaque no time e no campeonato italiano se mantiver o nível. Ajudará a Inter a voltar a disputar as primeiras posições da tabela. Ainda mais se pensarmos na boa contratação do meio-campista Geoffrey Kondogbia, que veio do Monaco (embora custando uma boa grana, € 30 milhões, segundo a imprensa italiana) . Nesta quinta-feira, a Inter também confirmou a contratação de Martin Montoya, lateral do Barcelona, que chega em um empréstimo por dois anos, com opção de compra. Uma boa opção para a posição, já que Jonathan foi dispensado depois de encerrar o contrato com o clube e Montoya, embora não tenha conseguido se firmar no Barcelona, mostrou potencial.

Devem chegar mais contratações ao time, mas a Inter se fortalece. Miranda tem tudo para ser um jogador-chave nesta nova Inter. Os € 15 milhões pagos por ele, um jogador der 30 anos, podem parecer muito. No atual mercado inflacionado e com a boa condição física e técnica de Miranda, tem tudo para ser um dos melhores negócios da temporada.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo