Serie A

Lazio leva susto, mas se recupera, forja virada relâmpago e bate o Frosinone no Olímpico

Após pênalti infantil de Guendouzi, Lazio aumenta ritmo, marca três vezes e fecha 2023 com vitória na Série A

Apesar da campanha irregular na atual temporada da Série A, a Lazio fechou 2023 com uma importante vitória. No Estádio Olímpico de Roma, a equipe do técnico Maurizio Sarri bateu o Frosinone por 2 a 1, de virada, em duelo válido pela 18ª rodada. De pênalti, Soulé abriu o placar para os visitantes, que não sustentaram a vantagem por muito tempo. Castellanos, Isaksen e Patric marcaram na sequência e decretaram o triunfo dos donos da casa.

Com a vitória, a Lazio foi a 27 pontos e subiu para a oitava colocação da Série A. Em contrapartida, o Frosinone estacionou nos 19 e amarga a 14ª colocação.

Como foi a vitória da Lazio sobre o Frosinone

Como já era de se esperar, a Lazio tomou a iniciativa e tentou imprimir seu ritmo no começo da partida. Aos seis minutos, Felipe Anderson recebeu no lado direito, cortou para o meio e arriscou finalização. A bola explodiu na defesa e não levou tanto perigo, mas o lance mostrou que os donos da casa buscariam a vitória a todo custo. A resposta do Frosinone, contudo, foi imediata. Após bate e rebate na área, Harroui ficou com a sobra e chutou cruzado. Ninguém apareceu para desviar e a pelota passou mansamente na frente dos defensores biancocelesti.

Com 15′ no relógio, a Lazio finalizou pela segunda vez. Em bola despejada na área, a defesa do Frosinone rebateu. De primeira, Daichi Kamada não pegou em cheio e mandou por cima da meta defendida por Stefano Turati. A pressão dos mandantes continuou. Aos 31′, Zaccagni cobrou falta com veneno e obrigou Turati a espalmar no susto. E a etapa inicial ficou por isso mesmo. Com mais posse de bola, as Águias esbarraram na boa marcação do Frosinone que, por sua vez, apostou nos arremates de longa distância.

Veio o segundo tempo e a configuração do jogo se manteve a mesma: Lazio tentando controlar as ações. E com menos de um minuto, os donos da casa arrancaram suspiros das arquibancadas do Olímpico. Pellegrini experimentou arremate de fora da área e tirou tinta da trave. Aos 8 minutos, Guendouzi cometeu erro infantil e colocou as Águias em apuros. Em disputa no alto, o volante francês deu ‘tapa' na bola e o VAR denunciou. Pênalti. Soulé cobrou e abriu o placar: 1 a 0.

Contra a parede, a Lazio se viu obrigada a aumentar o volume ofensivo e a acelerar as jogadas. Aos 24′, a blitz surtiu efeito. Em cruzamento vindo da direita, Castellanos subiu mais que os defensores e com um toque sutil de cabeça, encobriu Turati: 1 a 1. O tento de empate assustou os visitantes, que permitiram a virada no lance seguinte.

A defesa do Frosinone errou feio e deu a bola de presente para Castellanos, que avançou, levantou a cabeça e serviu Isaksen. Com um tapa de primeira no cantinho esquerdo, o dinamarquês não perdoou e marcou o segundo dos donos da casa. E cabia mais. Aos 38′, Zaccagni cobrou escanteio pelo lado esquerdo, contou com desvio no meio do caminho e achou Patric no segundo pau. Livre de marcação, o zagueiro só teve o trabalho de empurrar par as redes.

Estatísticas de Lazio 3 x 1 Frosinone – Série A 2023/24

  • Posse de bola: 55% x 45%
  • Faltas: 18 x 15
  • Chutes: 13 x 11
  • Chutes no gol: 5 x 2

Próximos jogos de Lazio e Frosinone

Como citado, a Lazio só volta a campo em 2024. No dia 7 de janeiro (domingo), as Águias visitam a Udinense, em partida válida pela 19ª rodada da Série A. A bola rola a partir das 11h (horário de Brasília), no Bluenergy Stadium.

Já o Frosinone tem compromisso um dia antes (6), no sábado. A equipe do técnico Eusebio Di Francesco recebe o Monza, no Estádio Benito Stirpe, às 11h (horário de Brasília), também pela 19ª rodada.

Foto de Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Apaixonado por futebol, uniu o amor pelo esporte mais popular do mundo ao jornalismo. Carioca da gema e grande entusiasta da Premier League, cobriu o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Na música, vai de Post Malone a Armandinho. Eclético assim como na área técnica. Afinal, Guardiola e Mourinho são suas referências.
Botão Voltar ao topo