Serie A

Kean sai do banco de reservas e arranca vitória suada da Juventus sobre o Sassuolo

O garoto de 22 anos anotou um belo gol para deixar a Juventus muito próxima de vaga na Champions League

Moise Kean marcou seu sexto gol nesta temporada e arrancou uma vitória suada da Juventus por 2 a 1 sobre o Sassuolo fora de casa nesta segunda-feira. Com as derrotas de Roma e Lazio, a Velha Senhora abriu oito pontos de vantagem no quarto lugar – pode ficar sete se a Fiorentina, também derrotada neste fim de semana, ganhar o jogo que tem a menos.

Com 12 pontos em disputa para a maioria da tabela, o resultado deixa a Juventus bem próxima da vaga na próxima Champions League, o objetivo que restou em uma temporada bastante complicada de transição, com o retorno de Massimilliano Allegri. O Sassuolo está em décimo, com 46 pontos.

Dusan Vlahovic foi reserva pela primeira vez desde que chegou à Juventus. Allegri montou seu ataque com Paulo Dybala e Álvaro Morata. O Sassuolo fez duas mudanças na defesa, com as entradas de Kaan Ayhan na zaga e Mert Müldür na lateral direita, e Domenico Berardi voltou ao ataque. Os donos da casa foram melhores durante grande parte do primeiro tempo.

As principais chances foram do Sassuolo. Szczesny teve que fazer duas grandes defesas, em batida de Berardi de fora da área e depois quase cara a cara com Gianluca Scamacca. Aos 38 minutos, Berardi deu um esperto toque de primeira para deixar Scamacca em ótima situação para abrir o placar.

A Juve não demorou a responder. Álvaro Morata brigou com Kyriakopoulos na linha lateral, Zakkaria recebeu dentro da área e acionou Dybala para um chute alto com a perna esquerda. Pareceu falta do atacante espanhol no começo da jogada, mas, após revisão do assistente de vídeo, o gol foi validado. Morata quase virou imediatamente depois, mas o cabeceio saiu à esquerda da trave.

Os visitantes voltaram muito mais perigosos do intervalo. Poderiam ter marcado o segundo logo no terceiro minuto, quando Morata desviou cobrança de escanteio na primeira trave. Consigli fez uma grande defesa. O atacante espanhol teve outra chance, em chute de média distância, que passou perto.

A Juventus não sustentou a pressão, porém, e Allegri teve que se mexer. Colocou Vlahovic, no lugar de Dybala, mas foi outro atacante que saiu do banco de reservas que decidiu a parada. Moise Kean, prata da casa, de volta após aventuras no Everton e no Paris Saint-Germain, dominou na entrada da área, após Adrien Rabiot dividir um lançamento alto.

Recebeu de costas para Vlad Chiriches, girou com muita qualidade para vencer a marcação e bateu de perna esquerda para garantir três pontos importantíssimos.

.

.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo