Serie A

Juventus e Frosinone levam suas más fases para passear neste domingo

Juventus e Frosinone estão ambos sem vencer há quatro jogos na Serie A, mas Velha Senhora tenta se aproveitar do pior visitante da Itália para retomar o caminho das vitórias

Está ruim para a Juventus, está péssimo para o Frosinone e os dois times se encontram neste domingo (25) para se enfrentarem pela Serie A, competição na qual os dois times patinam após início muito bom em 2023 — cada um dentro de sua realidade, é claro. As duas equipes se enfrentam naquele que é, talvez, o pior momento de cada uma delas na temporada, novamente, cada qual dentro de suas expectativas.

A Juventus simplesmente chegou a quatro jogos sem vitória na Serie A e, mais do que deixar a Internazionale abrir nove pontos com um jogo a menos na liderança do torneio, viu o Milan chegar e, hoje, sem exagero algum, terá de comemorar se conseguir sustentar sua segunda posição na tabela do Campeonato Italiano. Com um ataque meio inoperante e uma boa defesa, a Velha Senhora viu suas chances de voltar a ser campeã irem embora graças ao mau desempenho recente.

Já o Frosinone, que na primeira metade da temporada se firmou na metade da tabela da Serie A e parecia que não disputaria a luta contra o rebaixamento, se complicou bastante, também está em uma sequência de quatro jogos sem vitória e, pior ainda, chegou na última rodada a três derrotas consecutivas. Hoje, tem apenas três pontos de vantagem em relação aos times que abrem a zona de rebaixamento do Campeonato Italiano.

Como a Juventus chega para o jogo contra o Frosinone

A desgraça da Juventus começou em 27 de janeiro deste ano, quando, jogando em Turim, empatou contra um Empoli que à época estava afundado na zona de rebaixamento da Serie A. Foi um tropeço e tanto, aumentado — e muito — com a derrota para a líder Internazionale, desta vez como visitante, na rodada seguinte. Ali, a Juve basicamente deu adeus à disputa do título e recebeu uma bordoada que logo se transformou em crise.

Isso porque após perder para a Internazionale, a Juventus chegou à segunda derrota seguida pela primeira vez na temporada ao perder, jogando mais uma vez em Turim, para a Udinese, outro time que até então flertava firme com o rebaixamento. Para piorar, diante de outro candidato à queda, desta vez o Verona, a Juve só empatou fora de casa, o que arrebentou uma crise brava para Massimiliano Allegri e seus comandados.

Por mais que não tenha muitas chances (apenas as matemáticas) de ser campeã, a Juventus precisa vencer o Frosinone para se manter de cabeça erguida. Na próxima rodada, fará clássico contra o Napoli e chegar com cinco jogos sem vitória para um duelo dessa magnitude é tudo que a Velha Senhora não precisa. Para não dizer que a temporada passará em branco, há ainda a Copa da Itália, na qual a Juve está na semifinal e encara a Lazio, mas apenas no começo de abril. Até lá, muita água passará embaixo da ponte e tudo que o time de Turim não precisa é transformá-la em maremoto.

Como o Frosinone chega para o jogo contra a Juventus

O Frosinone já fez sete jogos na Serie A em 2024 e venceu apenas um, empatando outro e perdendo cinco deles. Os números não são nada animadores e pioram se constatado que, nestes sete duelos, levou 21 gols, média de três por partida, e fez apenas nove, média de pouco mais de um por confronto disputado, o que dá um panorama de quão ruim é a situação atual do time.

E o caminho do Frosinone piora se pegarmos o oitavo jogo que o time fez em 2024, pela Copa da Itália, justamente contra a Juventus: um 4 a 0 que adiciona mais quatro gols sofridos e nenhum feito à conta que já é ruim. A defesa extremamente frágil e o ataque inoperante colocaram o time em rota direta para a luta contra o rebaixamento e, hoje, o que segura o Frosinone na Serie A é muito mais o péssimo momento que todos os times abaixo dele, Empoli à parte, vivem, do que seus próprios méritos.

Contra a Juventus, a má fase do adversário é a maior arma do Frosinone, que também terá como inimigo neste duelo seu péssimo desempenho quando joga como visitante. É simplesmente o time de pior desempenho fora de casa em toda a Serie A, com nenhuma vitória em 12 partidas disputadas longe de seus domínios, somando aí três empates e nove derrotas. Um prato cheio para a Juve sair da crise.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Esse é Lucas de Souza, redator e repórter do Futebol na Veia e da Trivela. Jornalista especializado em Marketing digital é também narrador do Portal Futebol Interior e da RP2Marketing.
Botão Voltar ao topo