Serie A

Joaquín Correa marcou duas vezes, e Inter venceu para não deixar líderes escaparem

O argentino foi titular apenas pela terceira vez na Serie A com a camisa da Inter e decidiu a vitória por 2 a 0 sobre a Udinese

A Internazionale, terceira colocada do Campeonato Italiano, entrou em campo antes dos líderes Napoli e Milan, na manhã deste domingo, e contou com dois gols de Joaquín Correa para vencer a Udinese por 2 a 0 e impedir que ambos escapem, mesmo que acabem vencendo os seus jogos.

A semana acabou sendo positiva para a Inter, apesar de ter começado com empate com a Juventus, sofrendo um gol de pênalti nos minutos finais. A atual campeã italiana emendou vitórias contra Empoli e Udinese para chegar a 24 pontos em 11 rodadas, contra 28 de Napoli e Milan, em dez.

Joaquín Correa, jogador de Simone Inzaghi na Lazio, foi titular pela terceira vez no Campeonato Italiano com a camisa da Inter. Em uma das outras duas, contra o Verona, na segunda rodada, também marcou dois gols na vitória por 3 a 1.

Nicolò Barella entrou em campo com um pouco de fome. Antes dos 20 minutos, havia finalizado quatro vezes, a maioria de longa distância e para a fora. A melhor chance aconteceu aos 12 minutos, quando Dzeko lançou Correa pela esquerda. Barella foi acionado dentro da área, de frente para Marco Silvestri. O meia italiano perdeu um pouco a passada e bateu rasteiro para defesa do goleiro com as pernas.

Ranocchia teve uma cabeçada perigosa, e Barella perdeu outra grande oportunidade, aos 25 minutos. Tirou o marcador com uma matada de peito dentro da área e bateu forte. Silvestri fez outra intervenção importante. A Udinese levou pouco perigo a Handanovic, mas terminou o primeiro tempo com alguns arremates de média distância.

Aos 15 minutos da etapa final, uma jogada característica de Correa abriu o placar. Ele arrancou a partir da esquerda, centralizou, entrou na área, passou pelo marcador e bateu forte no canto. Pouco depois, matou o jogo após receber o passe de Dumfries no semi-círculo e finalizar pelo alto.

A Internazionale criou uma situação interessante pouco depois com muitos de seus veteranos envolvidos. Sánchez começou a jogada pela intermediária, abriu na esquerda para Dzeko, que acionou Arturo Vidal na entrada da área. A batida rasteira do chileno levou bastante perigo. Apenas aos 36 minutos, Handanovic teve que fazer uma grande defesa, para desviar o chute forte de Deulofeu por cima do travessão.

.

.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo