Serie A investiu alto no ataque. Ganhou uma chuva de gols

Campeonato Italiano teve 43 gols na rodada, maior marca desde 2005 e 30 a mais que o total da Premier League no final de semana. Novatos ajudaram a elevar o número

Os clubes italianos investiram pesado em jogadores com características ofensivas nesta temporada. Carlos Tevez, Gonzalo Higuaín, Mario Gómez, Alessandro Matri, Adem Ljajic e Mauri Icardi encabeçam a lista de reforços de muitos dos candidatos às primeiras colocações da Serie A. E dá para dizer que os efeitos dessas apostas já começam a ser sentidos: a segunda rodada da competição contou com 43 gols, 16 deles anotados apenas por atletas que trocaram de clube nesta temporada.

O número de tentos é quase o dobro do total anotado na estreia do Campeonato Italiano, 22. E também uma das melhores marcas da história recente da liga. A última vez que as redes balançaram tanto no torneio foi na 34ª rodada de 2004/05, quando as vitórias por 6 a 4 do Parma sobre o Livorno e de 5 a 3 do Lecce sobre a Lazio ajudaram a impulsionar os números.  Alberto Gilardino e Cristiano Lucarelli marcaram quatro tentos cada, enquanto o Siena foi o único clube a passar em branco.

Desta vez, apenas Torino e Catania passaram os 90 minutos sem nenhuma comemoração. Enquanto isso, muitos dos destaques foram justamente os recém-contratados. Mario Gómez e Giuseppe Rossi anotaram dois gols cada na goleada da Fiorentina sobre o Genoa por 5 a 2, a mais elástica do final de semana.  Maicon e Adem Ljajic comandaram os 3 a 0 da Roma sobre o Verona. Tevez deixou o dele na goleada por 4 a 1 da Juventus contra a Lazio, enquanto Gonzalo Higuaín e José Callejón complementaram o show de Marek Hamsik nos 4 a 2 do Napoli diante do Chievo.

A comparação da média de gols da Serie A com as outras grandes ligas europeias no final de semana é até covardia. Sobretudo com a Premier League, que registrou seu menor número de gols desde 1992/93. Foram apenas 13 tentos em nove jogos – 16, se também for considerada a vitória do Chelsea sobre o Aston Villa, antecipada por conta da Supercopa Europeia.

A chuva de gols desta rodada não significa necessariamente que a média da Serie A se elevará ao final da temporada. A marca muito acima dos 2,64 tentos registrados por partida na temporada passada, todavia, indica o ímpeto ofensivo das equipes, contrariando a tradição do futebol italiano. Se continuar assim, não será por falta de emoção que o Calcio poderá ser taxado como “decadente”, o que já virou até chavão nos últimos tempos.

As médias de gols da rodada nas grandes ligas europeias:

Serie A – 43 gols em 10 jogos
Bundesliga – 32 gols em 9 jogos
La Liga – 29 gols em 10 jogos
Ligue 1 – 19 gols em 10 jogos
Premier League – 16 gols em 10 jogos