Serie A

Fiorentina perde caminhão de gols e pênalti, mas vira sobre a Lazio em disputa direta na Serie A

Em disputa direta na tabela, Fiorentina perdeu muitas chances, mas venceu a Lazio por 2 a 1 com gols de Kayode e Bonaventura

Em disputa direta na tabela da Serie A Italiana, a Fiorentina virou sobre a Lazio por 2 a 1, nesta segunda-feira (26), pela 26ª rodada do campeonato. No Estádio Artemio Franchi, a equipe de Florença perdeu um caminhão de gols, mas conquistou a virada. Luis Alberto abriu o placar para os visitantes na primeira etapa, enquanto Kayode e Bonaventura decretaram o resultado.

A Fiorentina foi aos 41 pontos na tabela do Campeonato Italiano, na sétima colocação, e tem um a mais do que a Lazio, oitava colocada no momento, com 40.

Pela 27ª rodada, a Lazio recebe o Milan no Estádio Olímpico de Roma, na sexta-feira (1 de março), enquanto a Fiorentina visita o Torino no sábado (2).

Fiorentina joga melhor, mas Lazio abre o placar

A Fiorentina entrou melhor em campo, teve todas as oportunidades de sair na frente, mas errou o alvo (demais). Os donos da casa tiveram 62% de posse de bola e finalizaram 12 vezes – quatro vezes mais do que os adversários – mas só conseguiram acertar três vezes o alvo. Nessas três oportunidades que tiveram, Provedel apareceu muito bem para defender o gol biancocelesti.

Um dos maiores sustos para o arqueiro da Lazio aconteceu aos 41 minutos, quando Giacomo Bonaventura cobrou um escanteio muito fechado e acertou a trave. Quase o atacante da Viola marcou um golaço olímpico.

Além da dificuldade de finalizar com qualidade, a Fiorentina também sofreu com um problema sério de marcação da entrada da área. Subindo com muitos jogadores para o ataque, por vezes a Lazio não teve dificuldades de puxar o contragolpe, sem ter marcadores em Immobile e Isaksen. Quando aumentaram a atenção nos dois atacantes, Luis Alberto sobrou sozinho para abrir o placar.

Na marca dos 45 minutos, Matteo Guendouzi encontrou o camisa 10 da Lazio totalmente sozinho dentro da área. Ele teve tempo de dominar, ajeitar e mandar um chute bem colocado no cantinho direito da meta de Terracciano, sem chances para o goleiro chegar na bola.

Por fim, por mais que só tenha finalizado três vezes ao longo da etapa inicial, a Lazio soube aproveitar muito melhor as chances que teve e foi para o intervalo com a vantagem.

Pênalti perdido e mais um caminhão de finalizações

No retorno ao gramado, a Fiorentina sentiu o peso do resultado. Pressionada por jogar em casa, a equipe comandada por Vincenzo Italiano finalizou outras 10 vezes – e desta vez fez mais bonito do que no primeiro tempo. Aos 29 minutos, Michael Kayode aproveitou um cruzamento dentro da área e emendou um chutaço no ângulo direito. Caprichosamente, a bola ainda bateu na trave antes de estufar a rede.

Cinco minutos depois, Nicolo Casale deu uma entrada violenta dentro da área, e o árbitro prontamente assinalou a penalidade. O VAR ainda fez a checagem e confirmou a decisão do campo. No entanto, Nicolas González, que havia sofrido a falta, pegou a bola para cobrar e errou. O atacante tentou tirar demais de Provedel, mas o chute acabou na trave esquerda. No rebote, ninguém conseguiu aproveitar.

O nervosismo tomou conta da Fiorentina, que se lançou ao ataque desesperadamente após o pênalti perdido. O ímpeto foi premiado dois minutos depois. Lucas Beltran arriscou de fora da área, um chute forte no centro do gol, mas Provedel defendeu no susto. Na sequência, Bonaventura ficou com a bola, chutou bem e só correu para abraçar os companheiros.

Botão Voltar ao topo