ItáliaSerie A

Em jogo movimentado, Lazio vence a Roma em clássico

Brigas fora do estádio, rivalidade acirrada entre as torcidas e também dentro de campo. O dérbi entre Lazio e Roma é uma das partidas mais aguardadas do ano e, mais uma vez, mostrou os motivos. Debaixo de uma chuva muito forte, as equipes se doaram muito, mas quem levou a melhor foi a Lazio, que venceu por 3 a 2.

O resultado mantém a Lazio na quinta posição da Serie A, já que Fiorentina e Napoli também venceram na rodada. Agora, a equipe de Hernanes subiu para os 22 pontos, ampliando a vantagem sobre a Roma para cinco pontos. Estacionada nos 17 pontos e com muitas inconstâncias, a Roma pode demitir o técnico Zdenek Zeman, que corre riscos.

A partida começou bem para a Roma, que abriu o placar aos 9 minutos, depois de cabeçada de Erik Lamela. O argentino tem feito muitos gols e assumiu a artilharia do campeonato, com oito tentos marcados. Antes disso, o jogo ficou parado por quase cinco minutos por causa de uma queda de energia que apagou parte dos refletores do estádio Olímpico.

A Lazio buscou a reação e ia crescendo no jogo, pressionando a Roma. O gol, no entanto, saiu apenas aos 35 minutos, depois que Antonio Candreva cobrou falta no meio do gol, mas o goleiro Mauro Goicoechea, que substituía Maarten Stekelenburg, falhou. A virada veio quatro minutos depois, quando Hernanes arrancou, deixando Lamela para trás, e chutou cruzado para a área. Miroslav Klose aproveitou a chance e, com frieza, deslocou o goleiro.

Ainda no primeiro tempo, a Roma ficou com um jogador a menos, depois que Daniele De Rossi agrediu Stefano Mauri e foi para o chuveiro mais cedo. Na volta para o segundo tempo, a Lazio fez valer sua vantagem numérica e ampliou. Em lançamento longo, Iván Piris não conseguiu cortar e deixou a bola nos pés de Mauri, que deixou o seu com categoria. O capitão da Lazio acabou sendo expulso depois, faltando cinco minutos para o fim do jogo, depois de receber o segundo cartão amarelo.

Logo após a expulsão de Mauri, a Roma diminuiu o placar, depois que Miralem Pjanic aproveitou desatenção do goleiro Federico Marchetti e, de longe, fez um belo gol por cobertura. No último lance do jogo, a Roma teve ótima chance para conseguir um empate heroico, mas Pablo Osvaldo acabou batendo para fora.

Napoli vira e segue bem; Sampdoria continua perdendo

Jogando fora de casa, o Napoli repetiu o mesmo placar da vitória sobre o AIK, na Liga Europa, e venceu o Genoa por 4 a 2. A equipe napolitana começou perdendo, depois que Ciro Immobile aproveitou erro da defesa e, aos 23 minutos, abriu o placar. Já aos 8 do segundo tempo, Giandomenico Mesto deixou tudo igual, mas no lance seguinte, Andrea Bertolacci pôs o Genoa novamente em vantagem.

A partir daí, o Napoli contou com uma ótima interação entre Edinson Cavani, Lorenzo Insigne e Marek Hamsík. Os três colocaram a defesa do Genoa em apuros e foram os autores dos gols da virada. Com o resultado, o Napoli continua na terceira posição, com 26 pontos. Já o Genoa segue sem vitórias desde a chegada do técnico Luigi Delneri, quatro rodadas atrás, e entrou na zona de rebaixamento: é o 18º colocado, com apenas 9 pontos.

Logo acima, fora da zona, o Genoa vê sua rival, a Sampdoria. A equipe já acumula sete derrotas consecutivas e, desta vez, acabou sendo derrotada pelo Palermo, que ocupava a antepenúltima colocação. A partida foi decidida por dois gols do argentino Paulo Dybala, que fez boa dupla com Franco Brienza e marcou ambos os gols do 2 a 0.

Com o resultado, a Sampdoria se manteve com 10 pontos, e agora está na 17ª posição, um ponto acima da zona da degola. Já o Palermo respira: chegou aos 11 pontos, e ocupa a 14ª colocação na tabela.

Confira os jogos da 12ª rodada da Serie A

10/nov
Cagliari 0×0 Catania
Pescara 1×6 Juventus

11/nov
Palermo 2×0 Sampdoria
Chievo 2×2 Udinese
Genoa 2×4 Napoli
Lazio 3×2 Roma
Milan 1×3 Fiorentina
Parma 0x0 Siena
Torino 1×0 Bologna
Atalanta x Internazionale

Mostrar mais

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo