Serie A

Derby Inzaghi entre Benevento e Lazio teve golaço de Immobile e empate

O dérbi dos Inzaghi acabou empatado em jogo do Campeonato Italiano. A Lazio, de Simone Inzaghi, ficou no empate por 1 a 1 com o Benevento, de Filippo Inzaghi, seu irmão mais velho. Em casa, o Benevento teve bons momentos no jogo e poderia ter vencido. Para a Lazio, valeu mais pelo golaço de Ciro Immobile, que abriu o placar.

Foi a segunda vez que os dois irmãos se enfrentaram como técnicos. A primeira foi no dia 26 de dezembro de 2018, quando Filippo Inzaghi era técnico do Bologna e a Lazio, de Simone, venceu por 2 a 0 fora de casa. Mais uma vez, o irmão mais velho foi o mandante no duelo, mas desta vez o resultado foi um empate.

Simone tinha muitos desfalques para montar o time da Lazio. Luis Alberto voltou ao time, mas Francesco Acerbi, Lucas Leiva, Mohamed Fares, Senad Lulic, Vedat Muriqi e Jean-Daniel Akpa Akpro estavam fora do time. O Benevento, de Filippo, não tinha Christian Maggio, Luca Caldirola, Massimo Volta e Gabriele Moncini.

A Lazio começou bem o jogo e empurrou o Benevento para o campo de defesa nos cinco primeiros minutos. No primeiro contra-ataque do time da casa, porém, o goleiro Pepe Reina precisou intervir para evitar o gol, em uma boa chance. O meio-campo da Lazio tinha Sergej Milinkovic-Savis e Luis Alberto jogando bem, trabalhando a bola e tentando passes em profundidade, mas nenhuma tentativa deu certo.

O gol foi enfim marcado aos 25 minutos e veio com muito estilo. Milinkovic-Savic cruzou da direita para um voleio bonito de Immobile, pegando de primeira e vencendo o goleiro Lorenzo Montipò: 1 a 0 para o time da capital italiana.

O Benevento melhorou no jogo e passou a criar chances. Reina precisou fazer uma defesa difícil em uma finalização de Gianluca Caprari, mandando para escanteio. Na cobrança, Pasquale Schiattarella chutou, a bola pipocou na área até sobrar para ele mesmo finalizar pegando de primeira e mandando no canto, vencendo Reina: 1 a 1 no placar.

O empate, claro, não era suficiente para a Lazio, que queria mais. Buscou e, nos minutos finais, se jogou ao ataque deixando espaços no campo de defesa. O Benevento tentou aproveitar e levou também algum perigo. No fim do jogo, Schiattarella, o autor do gol de empate, deu uma entrada feia em Joaquín Correa e acabou expulso por um cartão vermelho direto.

A palavra dos técnicos (e irmãos)

“Os rapazes tentaram tudo para vencer, nós não deveríamos ter cedido esse gol e nós deveríamos ter marcado outro gol no primeiro tempo”, afirmou o técnico Simone Inzaghi, da Lazio, ao DAZN. “Depois do intervalo, não repetimos o nível de intensidade e o Benevento melhorou e causou muitos problemas”.

“Eles são um time em boa forma, bem organizados e sólidos, então nós precisávamos ter paciência. Eu acho que nosso primeiro tempo foi muito bom, mas talvez por causa do cansaço, tanto físico quanto psicológico, não conseguimos fazer isso valer. Você não pode ir para o intervalo com um empate por 1 a 1 depois daquele desempenho”, afirmou ainda o técnico da Lazio.

“Eu não poderia ter pedido mais para esses rapazes. Eles foram fantásticos e me deram esses momentos incríveis, porque jogar em um nível que tem Juventus e Lazio, depois de estarmos na Serie B na temporada passada, é incrível”, afirmou Filippo Inzaghi, técnico do Benevento.

“A Lazio jogou como aliens no primeiro tempo, eles estão entre os 16 melhores da Europa, nos dominaram, mas nós não desistimos, e voltamos ao jogo. Eu estou verdadeiramente feliz que o trabalho duro deles está se pagando com esses resultados”, continuou Pippo.

“Nós somos recém-promovidos, e ainda assim tivemos nosso momento, perdendo, ganhando ou empatando, contra times que estão muito além do nosso nível. Quer dizer, quando Immobile faz um gol como esse, o que você pode dizer aos defensores? É um concorrente a gol da temporada, não há o que fazer sobre isso. Eu disse a eles que se eu deixar o campo orgulhoso deles, não importa qual foi o resultado”, disse ainda Filippo Inzaghi.

O técnico do Benevento ainda falou sobre a relação com Simone, com quem conversa todos os dias. “Foi realmente estranho na noite passada, já que nos falamos pelo telefone lá pela meia-noite, como sempre fazemos. Nós costumamos falar sobre como os jogadores estão, o que estamos planejando taticamente, mas obviamente tivemos que evitar isso! Foi uma conversa complicada de se ter”, disse Filippo.

“Foi difícil comemorar por um gol contra o meu irmão, e ele fez o mesmo, nós fomos bem reservados na lateral de campo comparado ao usual. Não ohá nada que você possa dizer, as coisas que meu irmão conseguiu com a Lazio são extraordinárias e ele merece muito crédito”, elogiou Pippo.

Standings provided by SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo