Serie A

Após ótima estreia, Di María será desfalque da Juventus por pelo menos dez dias

O argentino deu um gol e uma assistência na vitória por 3 a 0 sobre o Sassuolo antes de ser substituído

A Juventus não está com muita sorte neste começo de temporada. Após perder Paul Pogba para a primeira metade da temporada, Ángel Di María, outro dos seus principais reforços, tornou-se mais um problema para o técnico Masimilliano Allegri, após uma ótima estreia na última segunda-feira, com gol e assistência na vitória por 3 a 0 sobre o Sassuolo.

Di María foi substituído os 20 minutos do segundo tempo com cara de dor e, segundo a Juventus em uma nota oficial, sofreu uma lesão muscular de baixa gravidade no adutor. Ele será reavaliado em 10 dias, mas a Gazzetta dello Sport afirma que deve ficar afastado por cerca de três semanas.

“Não estou preocupado”, havia dito Allegri, logo depois da partida e antes dos exames realizados nesta terça-feira. “Vamos ver o que os exames dizem. Infelizmente, essas coisas acontecem no futebol. Ele teve esse problema no adutor uma semana atrás também, talvez eu deveria tê-lo tirado quando estávamos vencendo por 3 a 0, mas ele estava se divertindo”.

Di María, um dos principais reforços da Juventus ao lado de Pogba, Bremer e Filip Kostic, abriu o placar contra o Sassuolo e acionou Dusan Vlahovic várias vezes, inclusive no terceiro gol, da convincente vitória da Velha Senhora sobre o Sassuolo na primeira rodada da Serie A.

Foto de Bruno Bonsanti

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.
Botão Voltar ao topo