Serie A

Aos 34 anos, Giuseppe Rossi tentará mais uma volta para o futebol, ao assinar com a Spal na segundona italiana

Com uma coleção de lesões e raras sequências nos últimos anos, Rossi vai tentar a sorte pela primeira vez na segundona

A carreira de Giuseppe Rossi é daquelas que poderiam ter sido muito maiores, não fossem as lesões. O italiano atravessou ótimos momentos com o Villarreal e chegou a brilhar por um breve período na Fiorentina, mas quase sempre as contusões voltavam a assombrá-lo. Aos 34 anos, o atacante passou as últimas temporadas rodando por diferentes equipes, sem muita confiança e nem continuidade. Mais uma tentativa no esporte acontecerá na própria Itália, desta vez na segunda divisão. O veterano foi anunciado como reforço pela Spal, com contrato firmado até o final da temporada.

Levado pelo Manchester United ainda na base, Giuseppe Rossi não emplacou na Premier League, mesmo num empréstimo ao Newcastle. Sua carreira só decolou quando voltou ao Parma, onde ganhou sequência e atraiu atenção do Villarreal. A partir de 2007/08, o atacante virou um dos principais atacantes em atividade no Campeonato Espanhol e acumulou muitos gols. De quebra, foi artilheiro das Olimpíadas de 2008 e acabou pré-convocado à Copa de 2010. Porém, em 2011/12, seu calvário teve início. Foram duas rupturas de ligamentos consecutivas, que interromperam sua trajetória no Submarino Amarelo e o tiraram da Euro 2012.

Com o rebaixamento do Villarreal, Giuseppe Rossi foi vendido à Fiorentina em janeiro de 2013. Por conta dos problemas físicos, o atacante só estreou no final da temporada. E o começo da Serie A 2013/14 até deu esperanças de que o atacante voltasse ao ápice, com um primeiro turno arrasador com a Viola. Entretanto, em janeiro de 2014 ele sofreu outra lesão ligamentar. Voltou a tempo de terminar o campeonato, mas não de ser convocado para a Copa do Mundo de 2014, cortado na pré-lista. E, para piorar, em agosto de 2014, o italiano sofreu outra séria contusão no menisco.

Sem conseguir uma sequência na Fiorentina, Giuseppe Rossi foi emprestado para o Levante em 2015/16 e teve algumas boas partidas. Depois, também ficaria mais um ano com o Celta em 2017/18. Não rendia tanto e, no segundo turno de La Liga, enfrentou mais um rompimento dos ligamentos. Na luta contra o próprio corpo, Rossi teve uma rápida passagem pelo Genoa em 2018/19, até passar um ano e meio sem contrato. O recomeço mais recente aconteceu em 2020, na MLS, com a camisa do Real Salt Lake. Na primeira experiência no país onde nasceu, disputou só sete partidas e pouco contribuiu antes de ser dispensado.

Giuseppe Rossi ficou sem contrato ao longo de 2021, até a Spal abrir as portas. O atacante passou as últimas semanas em treinamento e, dando indícios positivos em sua forma física, ganhou um contrato com os biancoazzurri. Mas fica difícil de acreditar na retomada daquele atacante técnico e com faro de gol, que chegou a ser considerado por alguns como um herdeiro da camisa 11 na seleção italiana. Lá se vão pelo menos cinco anos desde sua última sequência minimamente confiável e com boa média de gols.

A Spal oferece um nível bem mais baixo para Giuseppe Rossi se provar. Apesar das aparições recentes na Serie A, a equipe ocupa o 15° lugar na segunda divisão e flerta com a zona do rebaixamento, embora esteja a apenas cinco pontos da zona de classificação aos playoffs de acesso. Por lá, o veterano se encontrará com Lorenzo Colombo, de 19 anos, emprestado pelo Milan e visto com bons olhos nas categorias de base dos rossoneri. Talvez sua última contribuição seja auxiliar o surgimento de outro atacante que se candidata a defender a Azzurra no futuro.

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo