ItáliaSerie A

A saída de Eto'o encerrou minha era na Inter, diz Motta

O volante Thiago Motta colocou a saída de Samuel Eto’o como fator preponderante pelas mudanças vividas pelo time desde a conquista da Liga dos Campeões em 2010. O camaronês foi contratado pelo Anzhi Makhachkala um ano depois da conquista continental, por 27 milhões de euros.

“Eu acho que a saída de Eto’o afetou o time de uma forma especial. Ele era o único que poderia fazer a diferença sempre. Obviamente, agora eles têm Diego Milito de volta à forma, sempre muito perigoso. Contudo, Eto’o sempre dava uma força extra ao time”, afirmou

“A saída de Eto’o teve um grande papel na minha decisão de também deixar o clube. Eu senti que era como se a minha era na Inter tivesse chegado ao fim. Precisava de um novo desafio e encontrei ele aqui no Paris Saint-Germain”, finalizou.

Contratado pelo PSG na última janela de transferências, Thiago Motta disputou quatro partidas pelo clube parisiense. Levado por 11,5 milhões de euros, possui contrato até junho de 2015 com os franceses.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo