Itália

Maurizio Sarri levanta dúvidas sobre permanência de Felipe Anderson na Lazio: ‘ele deve querer’

Fundamental para Sarri, Felipe Anderson tem contrato com a Lazio até junho de 2024 e já pode assinar um pré-contrato com qualquer clube

No domingo (14), a Lazio venceu o Lecce por 1 x 0, no Estádio Olímpico, pela 20ª rodada da Serie A. E isso não seria possível se não fosse por Felipe Anderson, que marcou o único gol da partida e mostrou – mais uma vez – sua importância para Maurizio Sarri. Após bater um recorde com a camisa Biancocelesti, o meia-atacante brasileiro acabou virando assunto por outro motivo.

Isso porque o técnico levantou dúvidas sobre a permanência de Felipe Anderson na Lazio. Vale lembrar que o brasileiro tem contrato até junho de 2024, e por isso, já pode assinar um pré-contrato com qualquer clube. Segundo a imprensa italiana, a Juventus é uma das interessadas na contratação do meia-atacante, que não avançou em suas conversas com os Biancocelesti por sua renovação.

A falta de acordo entre Felipe Anderson e Lazio se dá pela demora na apresentação de uma oferta por sua permanência, além dos termos não terem agradado os empresários do jogador de 30 anos. Além disso, a sondagem da Velha Senhora empolgou o brasileiro, que ainda espera por uma nova proposta dos Biancocelesti. Em entrevista à Dazn, Sarri deu sua opinião sobre a incerteza envolvendo o nome do meia-atacante:

“Eu gostaria que o Felipe (Anderson) ficasse, mas ele deve querer. Não adianta manter um jogador que não quer mais estar aqui. Mas não creio que seja essa a situação. Faltam mais alguns meses, veremos. E se ele quiser cumprir o prazo, ele jogará dentro do prazo”.

Em sua segunda passagem pela Lazio, já que retornou no início de 2020/21, Felipe Anderson não perdeu um jogo sequer desde aquela temporada. Ou seja, o meia-atacante fez sua 126ª partida consecutiva pelos Biancocelesti diante dos Salentini, superando o recorde de Alfredo Monza, zagueiro que fez 124 jogos seguidos pelo time romano entre 1937 e 1940.

Felipe Anderson está marcado na história da Lazio

Fato é que Felipe Anderson já está marcado na história da Lazio. Ao todo, já são 303 jogos e 55 gols. Só nesta temporada, o brasileiro atuou em 28 partidas, balançou as redes duas vezes e distribuiu sete assistências, sendo crucial na classificação dos Biancocelesti à semifinal da Copa da Itália, além do 5º lugar na Serie A com 33 pontos. Ou seja, o meia-atacante é titular indiscutível com Maurizio Sarri.

Por conta disso, a vontade de Felipe Anderson é permanecer na Lazio, onde está próximo de entrar no top-10 dos jogadores com maior número de jogos pelo clube. Contratado junto ao Santos em junho de 2013 por € 7,8 milhões (cerca de R$ 25 milhões à época), o brasileiro ganhou notoriedade no futebol europeu com os Biancocelesti, onde ficou até 2018.

Naquele ano, o West Ham desembolsou € 38 milhões (em torno de R$ 180 milhões) para contratar Felipe Anderson. Nos Hammers, foram 73 jogos e 12 gols, sem o mesmo brilho que apresentou pela Lazio. Tanto que o brasileiro chegou a ser emprestado ao Porto, onde sofreu com lesões e falta de sequência. Não à toa, disputou apenas 10 partidas pelos Dragões.

O meia-atacante voltou para os Biancocelesti, que investiram apenas € 3 milhões (em torno de R$ 18,3 milhões). O West Ham manteve 50% dos direitos econômicos do atleta. No retorno ao futebol italiano, Felipe Anderson provou todo seu talento. Agora, a dúvida que fica é: o meia-atacante vai continuar vestindo as cores da Lazio? A ver cenas dos próximos capítulos.

Foto de Matheus Cristianini

Matheus Cristianini

Jornalista formado pela Unesp, com passagens por Antenados no Futebol, Bolavip Brasil, Minha Torcida e Esportelândia. Na Trivela, é redator de futebol nacional e internacional.
Botão Voltar ao topo