Itália

O spareggio está de volta: Serie A aprova final em jogo único na decisão do título em caso de empate em pontos

Federação Italiana aprova volta de um duelo direto entre dois clubes no topo em caso de empate em pontos a partir da temporada 2022/23

A Federazione Italiana Giuoco Calcio (FIGC), a Federação italiana de Futebol, definiu a volta do chamado spareggio à Serie A. Em italiano, “spareggio” significa, em tradução livre, “desempate”. Isso significa que em caso de empate em pontos entre os dois primeiros colocados, haverá uma partida extra para definir o campeão. O jogo será decidido nos 90 minutos, sem prorrogação. Em caso de empate, a decisão será nos pênaltis. A decisão foi tomada em reunião do Conselho Federação da FIGC, nesta terça-feira, e anunciada pela entidade.

A regra só valerá para a disputa de título. Em caso de empate em pontos para definição de vagas europeias e rebaixamento, por exemplo, serão considerados os critérios de desempate que já existem. São os seguintes: confronto direto entre os dois clubes (confronto direto só é usado quando os dois jogos entre os clubes já aconteceram); saldo de gols; gols marcados; e sorteio.

Só uma vez na história o título italiano foi definido desta forma em todo período que a regra valeu: na temporada1963/64, quando Bologna e Internazionale terminaram com 54 pontos (na época a vitória valia dois pontos). Os dois clubes se enfrentaram em um jogo único no Estadio Olimpico de Roma e o Bologna venceu por 2 a 0. Os gols foram de Giacinto Fachetti, que depois se transferiria para a Inter e se tornaria um dos grandes ídolos da história do clube, e Herald Nielsen, que terminou como artilheiro da liga naquela temporada com 21 gols.

O presidente da FIGC, Gabriele Gravina, foi um dos que pediu mais a mudança. Ele é um dos favoráveis à uma mudança ainda mais profunda, com a introdução de uma fase de mata-mata entre os melhores times para definir o campeão. Isso, porém, é algo que gera bastante controvérsia na Itália e está longe de um consenso.

Além disso, foram aprovadas também as cinco alterações por partida, algo que a IFAB já tinha tornado oficial e permitia às ligas adotarem oficialmente. Será possível também fazer uma sexta substituição em caso de competições com prorrogação, como no caso da Copa da Itália.

A Serie A também divulgou o seu calendário, que começará no dia 14 de agosto e vai até o dia 4 de junho. A Serie A Feminina começa no dia 27 de agosto e vai até 28 de maio. Também foi aprovado que times da Serie A possam ter segundos times na Serie C. Os clubes poderão manifestar a intenção de participar.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo