ItáliaSérie B

Conte perde recurso e suspensão é mantida

O técnico Antonio Conte perdeu o recurso que tentou contra a suspensão de dez meses que recebeu e teve a punição confirmada pela Federação Italiana de Futebol (FIGC). O técnico foi acusado de omissão quando era técnico do Siena e sabia dos jogos que eram manipulados do time.

Conte, de 43 anos, alegou inocência e entrou com o recurso esperando já estar liberado para dirigir o time no fim de semana, quando começa a disputa da Serie A. O julgamento, porém, manteve a punição ao atual treinador da Vecchia Signora. “A Corte Federal de Justiça confirma os dez meses de suspensão a Antonio Conte”, diz o comunicado da FIGC.

A punição ao treinador se dá pelo envolvimento no escândalo Calcioscommesse. Segundo as investigações, o técnico sabia quais jogos do Siena seriam manipulados e não denunciou.  “Foi decidido absolver Conte pelo seu papel no jogo entre Novara e Siena, mas a suspensão de dez meses é uma punição da comissão disciplinar em relação ao jogo entre Albinoleffe e Siena”, diz ainda a nota publicada pela FIGC.

O assistente de Conte, Angelo Alessio, teve a suspensão reduzida de oito para seis meses. Já os jogadores Leonardo Bonucci e Simone Pepe, ex-Bari e Udinese, respecticamente, e atualmente na Juventus, foram absolvidos. A decisão foi a mesma para Nicola Belmonte e Salvatore Masiello, ambos ex-jogadores do Bari. Marco di Vaio e Daniele Portanova também foram absolvidos das acusações.

O rebaixamento do Lecce da Serie B para a Lega Pro (que dirige a terceira divisão) foi confirmado, mas o Grosseto, que também tinha sido rebaixado, teve a punição retirada após o recurso.

A Juventus anunciou que tentará um segundo recurso contra a suspensão de Conte em setembro, no Comitê Olímpico Italiano. O diretor técnico Massimo Carrera continuará como técnico interino durante a suspensão.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo