Itália

As cinco melhores contratações dos 30 anos da Era Berlusconi (e as cinco piores)

Foi em um 10 de fevereiro de 1986, exatamente 30 anos atrás, portanto, que Silvio Berlusconi concluiu a compra do Milan e deu início a um período de ouro para o clube italiano. Embora neste momento a situação seja parecida com a daquela época, impossível ignorar os 28 títulos (incluindo oito scudettos e cinco Champions League) que colocaram os rossoneros no topo do futebol mundial.

LEIA MAIS: Baggio: “Sonhava em ser jogador para divertir as pessoas. E o camisa 10 é quem diverte mais gente”

Para chegar a esse patamar, o empresário, político e condenado por prostituição infantil gastou € 715 milhões nessas três décadas (equivalente a R$ 3,1 bilhões na cotação atual) em contratações e fez alguns excelentes negócios. Separamos os cinco melhores. Cometeu, naturalmente, alguns erros. Logo, também selecionamos os cinco piores.

Valores retirados do site especializado Transfermarkt e em euros. A cotação varia de acordo com a época.

[galeria_embeded]

 

 

 

 

 

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo