Itália

Adriano é oferecido ao Arsenal, mas Wenger recusa

O técnico do Arsenal, Arsène Wenger, declarou nesta terça-feira que o clube recusou a possibilidade de contratar por empréstimo o atacante brasileiro Adriano, da Internazionale. Adriano, que teve mau desempenho nas duas últimas temporadas com a Inter, foi oferecido ao time londrino como alternativa após a saída do capitão Thierry Henry, negociado com o Barcelona.

“Sim, Adriano foi oferecido, mas não precisamos dele”, disse Wenger durante entrevista coletiva. “Eu não estava no mercado para contratar um atacante por empréstimo. Se eu encontrar o jogador certo, com a qualidade certa, sempre vou contratar”.

O treinador francês revelou que a Inter queria um jogador em contrapartida: “No caso de Adriano, eles queriam dar um jogador e pegar outro do nosso elenco. Isso significaria perder um jogador e trazer outro que não estávamos querendo desesperadamente. Não tem nada a ver com a qualidade de Adriano”.

Atualmente, Wenger conta com quatro atacantes no grupo: o holandês Robin van Persie, o togolês Emmanuel Adebayor, o croata Eduardo da Silva e o dinamarquês Nicklas Bendtner.

Adriano rechaçou no último fim de semana a hipótese de ser emprestado ao Parma, depois de não ser relacionado para a estréia da Inter na Série A, contra a Udinese. O empresário Gilmar Rinaldi insiste em uma negociação definitiva com outro clube, enquanto a Inter prefere emprestar o jogador.

Mostrar mais

Equipe Trivela

A equipe da redação da Trivela, site especializado em futebol que desde 1998 traz informação e análise. Fale com a equipe ou mande sua sugestão de pauta: [email protected]

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo