Inglaterra

Torcedora de 101 anos é a estrela do lançamento do novo uniforme do Crystal Palace

O neto de Pam Blomfield pediu uma camisa de presente para comemorar os 101 anos da avó - e o clube foi um pouquinho mais longe

O Crystal Palace foi o último clube da Premier League a lançar o seu uniforme para a próxima temporada, que começa na sexta-feira da semana que vem, mas pelo menos fez algo especial. Convidou a vovó Pam, torcedora de 101 anos do clube, a mais velha da qual se tem registro, para ser a personagem principal da apresentação.

Tudo começou em 29 de julho, quando Pam Blomfield, ou Nan Pam, completou 101 anos. O seu neto publicou um vídeo extremamente fofo da vovó com a camisa do clube dizendo “Crystal Palace para sempre” no Twitter, e questionou despretensiosamente: “Ela está aguardando a nova camisa como presente de aniversário”.

O vídeo deu suas voltas pela internet e chegou ao presidente e co-proprietário das Águias, Steve Parish. “Sua avó Pam fez minha semana”, escreveu o dirigente no Twitter. “Vamos enviar o primeiro uniforme que tivermos para você. Muitas felicidades pelo seu dia de todos nós no Crystal Palace. Obrigado por incríveis anos de torcida”.

O Palace foi um pouquinho mais longe e convidou Pam para participar do lançamento da nova camisa no Selhurst Park, com direito a sessão de fotos e bolo de aniversário. Ela aparece vestindo o uniforme no vídeo ao lado dos jogadores do time que será treinado por Patrick Vieira.

O bolo de aniversário para a vovó Pam (Foto: Divulgação)

Após anos de estabilidade com Roy Hodgson, o Palace entra em uma nova era, com Vieira no comando, e um elenco modificado com as saídas de jogadores como Gary Cahill, Nathaniel Clyne, James McCarthy, Wayne Hennessey, Mamadou Sakho, Patrick van Aanholt e Andros Townsend.

Mas uma coisa é constante há mais de um século: o amor de Pam Bloomfield pelo clube.

Mostrar mais

Bruno Bonsanti

Como todo aluno da Cásper Líbero que se preze, passou por Rádio Gazeta, Gazeta Esportiva e Portal Terra antes de aterrissar no site que sempre gostou de ler (acredite, ele está falando da Trivela). Acredita que o futebol tem uma capacidade única de causar alegria e tristeza nas mesmas proporções, o que sempre sentiu na pele com os times para os quais torce.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo