Premier League

O retorno do rei: King fez um hat-trick na virada espetacular do Watford sobre o Everton no Goodison Park

Comandado por Claudio Ranieri, Watford chegou a estar perdendo por 2 a 1, mas fez um grande segundo tempo para virar e vencer por 5 a 2

O Everton deu pinta que conseguiria um bom resultado diante do Watford, em um jogo que ia bem, mas as coisas mudaram muito rapidamente no segundo tempo. Entre os 33 e os 46 minutos, os Hornets fizeram quatro gols e conseguiram uma virada espetacular para 5 a 2.

O time comandado por Claudio Ranieri teve exibições de gala de Joshua King, que voltou ao Goodison Park, onde não teve muito sucesso. Desta vez teve: fez três gols e foi o nome do jogo. Ironicamente, ele não fez nenhum gol enquanto vestiu a camisa do Everton. Foram apenas 11 jogos na temporada passada pelos Toffees, sem bola na rede.

Quem também foi bem foi o brasileiro João Pedro, que entrou no segundo tempo e deu um passe para gol. Outro que entrou muito bem foi Emmanuel Dennis. Fez duas assistências e ainda fechou a conta nos acréscimos.

Os gols

Nada indicava que o jogo tomaria o rumo que tomou. No começo, logo a três minutos, foi o Everton que abriu o placar. Demarai Gray fez a jogada e tocou para Tom Davies para marcar 1 a 0. O gol de empate veio aos 13 minutos, com Joshua King. O gol só foi confirmado pelo VAR.

No segundo tempo, Richarlison, que tinha começado no banco, entrou em campo e parecia que seria herói: marcou o segundo gol do time, de peixinho, aos 18 minutos. Com o placar de 2 a 1, o Everton parecia caminhar para um bom desfecho para a partida. Ledo engano.

As coisas começaram a mudar logo depois do segundo gol dos Toffees. O técnico Claudio Ranieri colocou em campo João Pedro e Emmanuel Dennis nos lugares de Ozan Tufan e Ismaila Sarr.

Aos 33 minutos, cobrança de escanteio de Cucho Hernández para o meio da área e Juraj Cucka tocou de cabeça para marcar o gol e empate em 2 a 2. O empate abalou profundamente o Everton, que parece ter se desligado da partida. Dois minutos depois do empate, Dennis fez a jogada pela direita, depois de receber de João Pedro, e tocou para o meio onde estava Joshua King. Ele dominou bem e tocou na saída do goleiro, com categoria: virada do Watford para 3 a 2.

Nem isso pareceu acordar o Everton. O time da casa, ainda atordoado, viu o adversário crescer ainda mais e massacrar para definir o jogo. Aos 41 minutos, mais uma vez Dennis acionou King, que tocou no canto para marcar mais um, o seu terceiro na partida e quatro do Watford: 4 a 2. Já nos acréscimos, com a torcida já deixando o estádio, Emmanuel Dennis desta vez recebeu a assistência de João Pedro e tocou no cantinho: 5 a 2 e placar fechado no Goodison Park.

Uma vitória espetacular do Watford, que nunca tinha vencido o Everton fora de casa. Eram 16 jogos, com 14 vitórias do Everton e dois empates. O Watford quebra a escrita, que começou em 1983, primeiro duelo entre os dois no Goodison Park.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo