Premier League

O Newcastle venceu um jogo eletrizante contra o West Ham, se distanciou do Z-3 e ainda bagunçou o G-4

Magpies abriram dois gols e cederam o empate, mas Willock sairia do banco para garantir a festa em St. James' Park

O Newcastle bagunçou a tabela da Premier League na abertura dos trabalhos do campeonato neste sábado. Ameaçados pelo rebaixamento, os Magpies conquistaram um triunfo fundamental em St. James’ Park. Mais do que isso, o resultado também acaba comemorado por vários times na parte de cima da tabela, já que breca o embalo do West Ham. Os Hammers até pareceram capazes de reagir: depois que o time da casa abriu dos gols de vantagem no primeiro tempo, os londrinos arrancaram o empate na etapa final, mesmo com um jogador a menos. Porém, o alívio durou pouco. Joe Willock brilhou para o Newcastle e determinou o triunfo por 3 a 2 no final, salvando a pele do técnico Steve Bruce.

O Newcastle  teve um início de jogo corajoso, criando as primeiras oportunidades em St. James’ Park. O West Ham não conseguia se impor, mas pelo menos conseguiu imprimir um ritmo mais forte a partir dos 20 minutos. Porém, aos 36, a casa dos Hammers cairia. Joelinton roubou a bola no meio e sofreria uma falta dura de Craig Dawson. Os Magpies ainda ficaram com a sobra e Saint-Maximin acelerou. O atacante invadiu a área, bateu cruzado e, embora o chute não tenha sido bom, Issa Diop se enroscou com o goleiro Lukasz Fabianski para marcar contra. Como se o gol não bastasse, Dawson recebeu o vermelho direto. O segundo tento não tardou, aos 41. Fabianski soltou uma cobrança de escanteio na pequena área e Joelinton não perdoou o erro.

Mesmo com um jogador a menos, diante da necessidade, o West Ham partiu para cima durante o segundo tempo. Os londrinos insistiam, mas não finalizavam com tanta qualidade. O primeiro gol veio só aos 28, com a redenção de Issa Diop, que cabeceou sozinho para vencer Martin Dubravka. E o empate seria natural. Os Hammers ganharam um pênalti, convertido por Jesse Lingard aos 35 minutos. Pelo momento, até parecia que os visitantes poderiam sair com a virada. Contudo, a alegria do West Ham não durou muito. O Newcastle acordou de imediato e, aos 37, decretou sua vitória. Willock tinha saído do banco um minuto antes e, depois de já ter dado o empate contra o Tottenham, desta vez garantiu os três pontos. Matt Ritchie cruzou pela esquerda e o substituto ganhou no alto para desviar às redes.

O Newcastle chega aos 35 pontos e sobe ao 15° lugar. Os Magpies abrem uma confortável vantagem de nove pontos em relação à zona de rebaixamento, com sua segunda vitória consecutiva. Têm tudo para assegurar a permanência na elite. Já o West Ham precisará torcer contra a concorrência. Fica nos 55 pontos e perde a chance de ultrapassar o Leicester, que joga pela Copa da Inglaterra neste sábado. Além disso, com um jogo a menos, tanto Chelsea quanto Liverpool podem ultrapassar os Hammers. A quarta colocação está bastante ameaçada.

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo