Premier League

Mendy viveu uma partida impecável, com uma série de defesas monstruosas para segurar o triunfo sobre o Brentford

Chilwell fez um belo gol, mas o Brentford pressionou muito e Mendy realizou quatro milagres para evitar o empate

Édouard Mendy vem de uma temporada gigantesca com o Chelsea e sua ausência na lista de finalistas da Bola de Ouro gerou críticas repletas de razão, por mais que o senegalês esteja entre os candidatos ao Troféu Yashin. E a classe superior do arqueiro ficou claríssima neste sábado de Premier League, com uma atuação monstruosa do camisa 16 para segurar na unha a vitória dos Blues na visita ao Brentford Community Stadium. Carne de pescoço nesta volta à elite, o Brentford pressionou muito pelo empate, mas parou numa série de defesas impressionantes de Mendy durante o segundo tempo. O arqueiro foi responsável direto pelo triunfo por 1 a 0, que assegura o Chelsea na liderança.

O Chelsea conseguiu construir sua vantagem no primeiro tempo, mas não dá para dizer que o time de Thomas Tuchel foi tão melhor assim. Os Blues tinham ligeira superioridade na posse de bola e se movimentavam com velocidade na frente, mas não eram capazes de criar tantas chances. Do outro lado, o Brentford testava na defesa Trevoh Chalobah e principalmente o novato Malang Sarr, que fazia uma atuação segura em sua primeira aparição na Premier League.

O jogo esquentou aos 22 minutos, muito por causa do Brentford. Os anfitriões quase saíram em vantagem com Bryan Mbeumo, que bateu firme da linha da pequena área e carimbou a trave de Mendy. No contragolpe, o Chelsea até balançou as redes, mas Romelu Lukaku estava em impedimento após o cruzamento de Timo Werner. Já na reta final do primeiro tempo, os Blues se tornaram mais perigosos até anotarem o gol. Werner incomodava muito, mas finalizou para fora sua principal tentativa. Já aos 45, Ben Chilwell foi cirúrgico no gol. Numa bola que sobrou na entrada da área, o ala estava muito bem posicionado para mandar seu tirambaço de primeira no ângulo e anotar um belo tento.

O início do segundo tempo foi difícil ao Brentford, que tomou pressão do Chelsea. Os Blues conseguiam empurrar as linhas de marcação adversárias e as Abelhas não tinham escape, com seu ataque perdendo quase todas para os beques adversários. Mas não que os visitantes criassem o suficiente para ampliar. Quando Lukaku apareceu livre, errou o alvo de maneira inacreditável, mesmo com impedimento. E sem aproveitar o domínio, o Chelsea permitiu que o Brentford voltasse ao jogo nos 20 minutos finais, ganhando energia a partir das alterações. Foi quando Mendy consagrou sua exibição impecável.

O primeiro milagre de Mendy aconteceu aos 28. Ivan Toney chicoteou à queima-roupa e o goleiro estava muito atento para rebater, num movimento difícil após o quique do chute na grama. O senegalês também contava com a sorte ao seu lado e Mbeumo parou na trave pela segunda vez aos 30, num tiro caprichoso em direção ao canto. Já depois, ficaria evidente o excelente senso de posicionamento de Mendy, uma de suas maiores virtudes. Aos 39, o arqueiro cresceu para cima de Saman Ghoddos no mano a mano, antes que Chalobah afastasse a segunda tentativa quase em cima da linha.

O Brentford em nenhum momento desistiu do jogo. No entanto, estava claro que ninguém passaria por Édouard Mendy na ocasião. O goleiro operou novo milagre aos 41, num arremate de Pontus Jansson que o senegalês salvou com o rosto, ao fechar o ângulo com poucos centímetros de distância para o chute. E o grand finale ficaria aos 48, quando Christian Norgaard conseguiu emendar uma bicicleta dentro da área. Mendy não permitiu o gol, se esticando ao máximo para desviar a bola fulminante no alto com a ponta dos dedos e mandar para escanteio. Foi uma atuação para afirmar, com letras garrafais, que Mendy está entre os melhores jogadores do mundo em 2021.

Mendy tantas vezes facilita as defesas por sua envergadura e sua ótima colocação. Porém, também é capaz de realizar intervenções quase impossíveis, como demonstrou repetidamente neste jogo. E se a chegada do goleiro foi essencial para a conquista da última Champions League, agora ele impulsiona o Chelsea na liderança da Premier League. O time permanece na liderança, com 19 pontos, um a mais que o Liverpool. O Brentford, apesar da derrota, sublinha de novo sua qualidade contra um adversário de peso e é o sétimo colocado, com 12 pontos e apenas a segunda derrota na volta à elite.

<iframe width="100%" height="580" src="https://www.sofascore.com/pt/evento/9576374/formacoes/inserir" frameborder="0" scrolling="no" style="max-width: 770px"></iframe>    <div style="font-size:12px;font-family:Arial,sans-serif"><a href="https://www.sofascore.com/pt/brentford-chelsea/Nsab" target="_blank" rel="noopener">Placar ao Vivo Brentford - Chelsea</a></div>

Classificação fornecida por SofaScore LiveScore

Mostrar mais

Leandro Stein

É completamente viciado em futebol, e não só no que acontece no limite das quatro linhas. Sua paixão é justamente sobre como um mero jogo tem tanta capacidade de transformar a sociedade. Formado pela USP, também foi editor do Olheiros e redator da revista Invicto, além de colaborar com diversas revistas. Escreve na Trivela desde abril de 2010 e faz parte da redação fixa desde setembro de 2011.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo