Premier League

Guardiola deixa aberto futuro de Agüero no City: “Decidiremos no final da temporada”

O maior artilheiro da história do Manchester City pode estar de saída do clube. Sergio Kun Agüero só tem contrato até junho de 2021 e não se sabe qual será o seu destino depois disso. Para o técnico do clube, Pep Guardiola, tudo vai depender do desempenho do próprio atacante.

Ainda pairam dúvidas sobre a possibilidade de renovação de contrato. Guardiola diz que se dependesse apenas de quem é Agüero, o contrato seria renovado. “Pelo ser humano, como pessoal, como é, mesmo como jogador, é claro”, disse o técnico.

“Mas nós temos que ver o que acontece no final desta temporada. Não podemos esquecer por quanto tempo ele esteve fora. Agora nós começamos a tê-lo melhor. Eu sei que ele precisa de minutos para chegar à sua melhor condições, mas talvez nós não estejamos no momento que podemos dar minutos só por dar minutos”.

“Então nós iremos falar, eu acho que o clube irá falar com o seu empresário e saber a situação, e nós iremos continuar a conversar ao final da temporada, assim como Fernandinho, por exemplo, é a mesma situação”, explicou Guardiola.

As lesões atrapalharam Agüero na temporada, como aconteceu também na temporada passada. Neste, especificamente, o jogador já começou machucado, voltou em outubro, depois de lesão no joelho. Teve também um problema na coxa, outro problema no joelho, uma pancada, em dezembro, e depois a COVID-19, que o afastou por 10 jogos, do começo de janeiro a 12 de fevereiro.

A ausência de Agüero do time foi superada. O time embalou 21 vitórias consecutivas sem precisar do argentino como titular, uma série que impressionou até o seu técnico. O time está 11 pontos à frente do segundo colocado e com a mão na taça da Premier League. Mesmo assim, o clube se prepara para uma reformulação, o que pode incluir a saída de nomes como o de Agüero.

“Veremos. Agora virão os melhores dois ou três meses, nós iremos decidir não apenas sobre ele, mas jogadores com contrato irão sair, talvez serão emprestados, talvez jogadores da base irão suir, talvez iremos contratar alguns jogadores, não sei quantos”, disse Guardiola, sem dar tantos detalhes.

“Então nós iremos decidir no fim da temporada. Agora, honestamente, eu poderia te dar uma resposta que eu gostaria, porque eu não sei o que irá acontecer. Porque na minha mente agora está longe pensar no que irá acontecer na próxima temporada, ou projetar onde os jogadores estarão na próxima temporada”, continuou.

“Eu estou muito mais preocupado sobre pelo que estamos jogando. Nós trabalhos muito, demais – todos os clubes, o nosso time incluído, para estar nessa posição, e agora eu não quero ficar distraído, porque se eu me distraio, os jogadores irão sentir que estou distraído, e eu tenho que estar incrivelmente focado para o próximo jogo, e depois, Fulham, jogamos a Champions League, as quartas de final da Copa da Inglaterra no Goodison Park, é claro que ainda há mais tempo, mas iremos pensar sobre isso”.

Mostrar mais

Felipe Lobo

Formado em Comunicação e Multimeios na PUC-SP e Jornalismo pela USP, encontrou no jornalismo a melhor forma de unir duas paixões: futebol e escrever. Acha que é um grande técnico no Football Manager e se apaixonou por futebol italiano (Forza Inter!) desde as transmissões da Band. Saiu da posição de leitor para trabalhar na Trivela em 2009.

Conteúdos relacionados

Botão Voltar ao topo