Premier League

Punição do Everton é reduzida e Premier League tem grande mudança na parte de baixo da tabela

Mudança na punição de pontos sofrida pela equipe de Liverpool tira o time da 17ª e a coloca em 15º

Uma mudança na punição de pontos aplicada contra o Everton vai mexer com as posições da parte de baixo da tabela da Premier League. Nesta segunda-feira, a liga diminuiu a dedução de pontos de dez para apenas seis. Com isso, o principal rival do Liverpool sai da 17ª colocação para a 15ª, abrindo agora cinco de diferença para o Luton Town, primeiro time dentro da zona de rebaixamento da competição.

O Everton subiu dos 21 pontos para 25. Vale lembrar que o clube inglês violou as Regras de Lucratividade e Sustentabilidade (PSRs). Segundo as normas, os clubes podem ter um prejuízo máximo de 105 milhões de libras (R$ 634 milhões de reais) em um período de três anos. Os Toffes ultrapassaram quase o quádruplo deste valor entre 2018 e 2021, quando teve um prejuízo de 370 milhões de libras (R$ 2,2 bilhões de reais).

A punição sofrida pelo Everton causou a ira dos torcedores, que consideram injusta a quantidade de pontos perdidos. Eles comparam que outros clubes, como o Manchester City, violaram as mesmas regras e não foram punidos de forma tão severa. Em comunicado, a Premier League afirmou que o recurso apresentado pelo clube foi acatado e aceito pela entidade.

O Everton FC recorreu da sanção que lhe foi imposta com base em nove fundamentos, cada um dos quais relacionado com a sanção e não com o facto da violação, que o clube admitiu. Dois desses nove fundamentos foram acolhidos pela Câmara de Recurso, que substituiu a dedução original de 10 pontos por seis. Esta sanção revista tem efeito imediato e a tabela da Premier League será atualizada hoje para refletir isso”, disse o comunicado oficial da entidade

Como fica a tabela da Premier League com a redução da punição do Everton?

A torcida do Everton ficou mais aliviada com a redução da punição sofrida no início da temporada. Com os quatro pontos “devolvidos”, a equipe treinada por Sean Dyche ultrapassou o Nottingham Forest, dos brasileiros Felipe, Murillo e Danilo, e também o Brentford. Com 25 pontos, o time de Liverpool se aproximou do Bournemouth e ganhou um respiro importante na luta contra o rebaixamento.

A redução da punição vem em um momento oportuno, tendo em vista que os últimos jogos do Everton na temporada não foram nada bons. São seis empates, três derrotas e apenas uma vitória nos últimos dez jogos. O último triunfo aconteceu no dia 17 de janeiro, quando bateu o Crystal Palace por 1 x 0 pela Copa da Liga Inglesa. Pela Premier League, o time de Liverpool não vence uma partida sequer desde 16 de dezembro de 2023, quando bateu o Burnley, fora de casa, pelo placar de 2 x 0.

Aliás, o fim de 2023 foi bem produtivo ao Everton, quando somou quatro vitórias consecutivas no mês de dezembro. Além da vitória sobre o Burnley, o time venceu o Nottingham Forest por 1 x 0, o Newcastle por 3 x 0 e bateram o Chelsea pelo placar de 2 x 0 no Goodison Park. Resta saber se a diminuição desta pena pode fazer o rendimento da equipe melhorar até o final da temporada e se o time terá forças para se manter fora da zona de rebaixamento ao término da Premier League.

Foto de Lucas de Souza

Lucas de Souza

Esse é Lucas de Souza, redator e repórter do Futebol na Veia e da Trivela. Jornalista especializado em Marketing digital é também narrador do Portal Futebol Interior e da RP2Marketing.
Botão Voltar ao topo